AGENDA

Rede D’Or (RDOR3) anuncia follow on que pode movimentar R$ 6,7 bilhões

Rede D’Or (RDOR3) anuncia follow on que pode movimentar R$ 6,7 bilhões
Foto: Reprodução

A Rede D’Or (RDOR3) realizará uma oferta subsequente de ações (follow on) de, inicialmente, 62,6 milhões de ações ordinárias, sendo cerca de 25 milhões emitidas de forma primária, com o capital indo para o caixa da companhia, e 37,5 milhões colocadas à venda por acionistas.

 

Segundo o fato relevante, publicado na manhã desta quarta-feira (19) e que confirma notícias que circularam ontem, a nova oferta já foi aprovada pelo Conselho de Administração. Considerando o valor de fechamento das ações da Rede D’Or nesta terça, de R$ 71,90, a operação pode chegar a levantar R$ 6,751 bilhões, considerando as ações adicionais.

O documento deixa em aberto a opção para os acionistas vendedores colocarem um pacote extra de 50% do total de ações ofertado por eles inicialmente, ou seja, mais 31,3 milhões de ações. Sem as ações adicionais, a operação deve movimentar algo próximo a R$ 4,5 bilhões, levando em conta também o preço de fechamento de ontem.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

A oferta será restrita, ou seja, disponível apenas para investidores profissionais, e liderada pelo Bank of America.

BTG Pactual (BPAC11), Bradesco BBI, Itaú BBA, JP Morgan, UBS Brasil e XP Investimentos fecham o sindicato de bancos responsável pela operação e pelo bookbuildinga coleta de intenções de investimento.

Segundo a Rede D’Or, o capital levantado através da oferta primária (R$ 1,7 bilhão, de acordo com o preço da ação ontem) será utilizado para arcar com a construção de novos hospitais e para realizar aquisições de novos ativos no “curso regular do negócio”.

Rede D’Or muda projeções

Simultaneamente à divulgação da realização do follow on, a Rede D’Or anunciou novas projeções para o exercício social de 2020. Agora, a companhia prevê um múltiplo de Valor de Mercado sobre Ebitda de 7,5 vezes.

     

Para chegar ao novo cálculo, a Rede D’Or levou em conta as aquisições anunciadas recentemente, que incluem o Hospital São Lucas Macaé, o Hospital América de Mauá, o Hospital Balbino, entre outros.

Ativa vê oferta como negativa

Para a Ativa Investimentos, a nova oferta de ações da Rede D’Or é negativa, pois é, em sua maior parte, de ações secundárias e pouco após a estreia da companhia na bolsa de valores.

A movimentação acontece em um momento em que boa parte dos competidores da companhia realizam ofertas de ações, mas majoritariamente primárias, capitalizando para projetos de extensão.

“A notícia causa estranheza pelo fato da Família Moll, que administra e gere a Rede D’Or, estar também vendendo parte de sua posição. Ainda assim, o valor não seria suficiente para gerar mudanças no controle da empresa”, dizem os especialistas.

Vitor Azevedo

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!