Balanços da semana

A nove meses da competição, quanto custa e como investir para ir nas Olimpíadas de Paris 2024?

A edição XXXIII dos Jogos Olímpicos, as Olimpíadas 2024, acontecerão em Paris entre os dias 26 de julho até 11 de agosto do ano que vem. Ao todo, serão 48 modalidades praticadas e 32 esportes, com as novidades do breaking dance e a canoagem slalom extremo.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-1.png

Além disso, três modalidades estão fora da programação das Olimpíadas 2024: beisebol, softbol e Karatê, sendo que os dois primeiros têm previsão de voltarem para as Olimpíadas de Los Angeles em 2028.

Para os fãs de esportes que sonham em presenciar ao vivo as estrelas brasileiras e internacionais de tênis, vôlei, atletismo, natação, e muito mais, é importante organizar um planejamento financeiro para a viagem.

A seguir é possível conferir quanto custa ir para Paris em 2024 e também qual a melhor forma de investir para ir na Olimpíadas 2024

Quanto custa ir para as Olimpíadas 2024?

Para calcular os custos das Olimpíadas de Paris 2024, foram usados como base cotações por sites online e preços divulgados pelo Comitê Olímpico para uma pessoa. Os gastos foram divididos em algumas categorias principais, mas que podem variar de pessoa para pessoa.

Passagens aéreas para Paris em 2024

O primeiro passo para ir nas Olimpíadas de 2024 é ir para a sua cidade sede, a capital mundial do amor, Paris. Se você já está em algum país na Europa, ótimo, pois economizará com as passagens.

Pela distância da data, algumas companhias aéreas ainda não estão com os bilhetes já disponíveis para a data das Olimpíadas.

Entretanto, fazendo uma prévia pelo site do Decolar.com, viagem de ida e volta para Paris saindo de São Paulo gira em torno dos R$ 4 mil. O Aeroporto de Viracopos, em Campinas, é a opção mais barata com voos saindo por R$ 3.800. Entretanto, com o evento especial é provável que os custos aumentem para as datas mais próximas dos jogos olímpicos.

Opções de hospedagem em Paris

A escolha da melhor hospedagem em Paris vai variar de acordo com os seus planos para viagem e a duração da estadia. Se pretende apenas assistir os jogos, vale a pena procurar regiões mais próximas dos eventos.

Para aqueles que vão torcer e “turistar”, hospedagens mais próximas ao centro da cidade deverão ser mais interessantes para poder conhecer tudo que Paris oferece, desde a Torre Eiffel e o Arco do Triunfo, até a imersão artística no Museu do Louvre e as noites animadas no bairro de Montmartre.

No site Booking.com, as modalidades de hospedagens oferecem lofts e apartamentos duplos por cerca de R$ 4 mil para duas semanas de estadia. Para quem prefere um pouco mais de conforto e luxo, os hotéis mais glamourosos parisienses têm opções começando por R$ 19 mil no mesmo período.

Também é possível, se for com um grupo de amigos, procurar uma hospedagem no estilo Airbnb, alugando um quarto ou flat para ficarem hospedados e dividindo as despesas.

Ingressos para as Olimpíadas 2024

O preço dos ingressos para os Jogos Olímpicos de Paris estão entre 24 euros a 950 euros (R$ 127 a R$ 5.000, aproximando os valores da cotação atual do euro de R$ 5,27) para ingressos avulsos das competições.

Além disso, para participar dos eventos de abertura e encerramento, os ingressos custam na casa dos 90 euros, equivalente a R$ 475 na cotação de hoje.

Alimentação em Paris

O custo médio de uma refeição em um restaurante em Paris varia entre 20 euros a 40 euros por pessoa (R$ 105 a R$ 210). Em restaurantes mais sofisticados, os preços podem ser mais elevados, enquanto que os menus do dia ou comprar comidas em supermercados, por exemplo, podem ser opções mais econômicas.

Transporte em Paris

Para usar o metrô, trens e ônibus de transporte por Paris, é possível comprar tickets individuais. O metrô de Paris tem o preço fixado em 1,80 euros (R$ 9,48). Os outros meios de transporte podem variar de acordo com o tipo e destino.

Gastos extras com as Olimpíadas 2024

Além disso, fãs dos esportes também devem separar um espaço no orçamento para artigos pessoais que possam interessar, como roupas temáticas, copos, óculos e vários itens temáticos das Olimpíadas. Além disso, é sempre recomendado guardar um valor extra para essas despesas, e também para imprevistos (100 euros, ou R$ 527).

Para aqueles que pretendem ver os pontos turísticos de Paris, também é importante considerar os preços de entradas em museus e atrações, além de confirmar as datas disponíveis para visitação. A maioria dos locais atualmente disponibiliza online a opção de fazer reservas previamente com data e hora agendados para evitar filas ou superlotações.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

Custo estimado para as Olimpíadas 2024

Somando todos os pontos apresentados acima, para uma estadia de duas semanas, os valores resultam em, aproximadamente:

Tipo de despesaValor
Passagem aéreaA partir de R$ 3.800
HospedagemA partir de R$ 4.000
IngressosA partir de R$ 1.270 (10 jogos)
AlimentaçãoR$ 1.470 (14 almoços em restaurantes
TransporteR$ 133 (14 passagens de metrô)
Gastos extrasR$ 527
TOTALA partir de R$ 11.200

Como investir para ir às Olimpíadas 2024?

Na hora de investir para os jogos olímpicos, é importante ter uma boa estimativa de quanto irá gastar no evento e quando os valores serão necessários. O analista de renda fixa CNPI da Suno Research, Vinícius Romano, ressaltou que os principais pontos da hora de investir para ir nas Olimpíadas 2024 são:

  • Revisar as finanças: ter certeza de que você tem capacidade financeira para ir para o evento;
  • Planejar os gastos da viagem: quanto será gasto antes da viagem, durante o planejamento e o que só vai precisar na hora;
  • Fluxo de caixa: separar o momento da saída de caixa maior na prévia da viagem (compra de ingressos e passagem, por exemplo), até o início das Olimpíadas, quando haverá gastos com comida e deslocamento.

Dentro da classe de renda fixa, o primeiro investimento recomendado por Romano para o projeto de investir para os Jogos Olímpicos de Paris 2024 é o Tesouro Selic. “Apesar de estar disponível apenas com os vencimentos de 2026 e 2029, você tem liquidez para o resgatar o dinheiro investido nos títulos quando precisar”, recomenda o analista de renda fixa.

Além disso, Romano ressalta que no período de nove meses até o início do evento não deve haver grande oscilação nas taxas dos ativos, o que permite um bom rendimento. “Hoje, o Tesouro Selic está em 13,25% ao ano. Deve continuar caindo, mas ainda é uma taxa atrativa,” explica.

Outras opções que o analista traz são:

  • Fundos DI, para aqueles investidores que têm preferência por fundos de investimento;
  • Títulos bancários, como CDB, LCI e LCA, contanto que sejam de uma instituição segura, com uma liquidez condizente ao prazo e com uma rentabilidade maior que o Tesouro Selic;
  • Títulos pré-fixados, que tenham um prazo condizente com o seu fluxo de caixa.

“Não vai ser um rendimento extraordinário por causa do tempo, que é curto”, alerta o analista, contrapondo que ainda são opções melhores do que deixar o dinheiro parado.

Em suma, um investimento para o prazo de aproximadamente nove meses ano até o início das Olimpíadas de Paris 2024 deve ter as seguintes qualidades:

  • Seguro;
  • Taxa alta de rendimento;
  • Liquidez.

“O principal é tentar desenhar o fluxo de caixa para saber quando vai precisar dos valores e encontrar os títulos bancários que façam sentido pra sua realidade”, conclui Romano.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Camila Paim

Compartilhe sua opinião