Poupança tem captação líquida de R$ 7 bilhões em outubro

Poupança tem captação líquida de R$ 7 bilhões em outubro
O BC informou que os depósitos na caderneta de poupança superaram os saques em R$ 7,017 bilhões em outubro desse ano.

O Banco Central (BC) informou nessa sexta-feira (6) que os depósitos na caderneta de poupança superaram os saques em R$ 7,017 bilhões em outubro desse ano. O montante representa a maior captação líquida da história para o mês.

No acumulado de janeiro a outubro, a poupança registrou captação líquida de R$ 144,288 bilhões. Vale destacar que no acumulado de 2019, a popança acumulou captação líquida de R$ 13,327 bilhões.

Além disso, a autarquia explicou que o número do mês passado foi somado ao rendimento de R$ 1,619 bilhão creditado no décimo mês do ano.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Video Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

O resultado da poupança em outubro foi puxado por R$ 279.576.987 bilhões aplicados e R$ 272.559.518 bilhões retirados no mês passado.

Depósitos superam saques em setembro

O Banco Central anunciou no início de outubro  que os depósitos na caderneta de poupança excederam os saques em R$ 13,228 bilhões no mês de setembro deste ano.

De acordo com a autoridade monetária central, o resultado de setembro foi o melhor para o período desde o início da série histórica do Banco Central, no ano de 1995. Além disso, foi o sétimo mês seguido em que a poupança registrou mais depósitos do que saques.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

Desde o momento em que o governo começou a pagar o auxílio emergencial, apelidado de coronavoucher, em abril deste ano, a poupança tem atingido recordes de captação, em função, principalmente, dos benefícios, que estão sendo pagos em contas poupança.

BC corrige dados e poupança tem captação de R$ 28,1 bilhões em julho

O Banco Central corrigiu informações no dia 7 de agosto e apontou que os depósitos na caderneta de poupança superaram os saques em R$ 28,144 bilhões em julho desse ano. Ao passo que no dia 6 do mesmo mês a autoridade monetária havia informado que as captações no período haviam somado R$ 27,144 bilhões.

Esse continua sendo o maior resultado para meses de julho desde o início da série histórica iniciada em 1995. De acordo com os dados da autarquia, o número de captações em cadernetas de poupança registrado no mês passado continua sendo inferior somente aos anotados em maio e abril desse ano, quando chegaram a R$ 37,201 bilhões e R$ 30,458 bilhões respectivamente.

Nesse cenário, o saldo total da poupança chegou a R$ 973,669 bilhões em julho ante R$ 943,64 bilhões registrado em junho. Vale destacar que o resultado do sétimo mês desse ano também contou com o rendimento de R$ 1,887 bilhão creditado no período.

Laura Moutinho

Compartilhe sua opinião

Comece 2022 investindo nos melhores Fundos Imobiliários

Baixar agora!