Petrobras (PETR4), Prio (PRIO3) e Equatorial (EQTL3) protagonizam o mercado nesta sexta-feira; veja mais destaques

A afirmação da Controladoria-Geral da União (CGU) de que a Petrobras (PETR4) vendeu uma refinaria abaixo do preço de mercado é um dos destaques desta sexta-feira (05). 

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

Também está entre os destaques do mercado financeiro a Prio (PRIO3), após anunciar que sua produção teve um avanço mensal de 2,3% em dezembro.

A Equatorial (EQTL3) também está no radar dos investidores, depois do conselho da Echoenergia eleger um novo diretor-presidente.

Veja os destaques do mercado financeiro hoje:

Petrobras

Segundo auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU), a venda da Refinaria Landulpho Alves por parte da Petrobras (PETR4), em novembro de 2021, apresentou fragilidades. 

O principal problema, apontou o relatório, foi a venda abaixo do preço de mercado, decorrente principalmente da escolha do momento do negócio – em plena pandemia de Covid-19 – numa época em que a cotação internacional do petróleo estava em baixa. 

Ainda sobre a Petrobras, a Companhia Brasileira de Offshore (CBO) firmou, em dezembro passado, um contrato de quatro anos com a estatal para o uso da embarcação A.H Liguria. Classificada como AHTS (Anchor Handling Tug Supply), ela desempenha a função de manusear âncoras de grandes navios e fornece suporte em operações de petróleo e gás. O contrato prevê que a embarcação estará disponível para a Petrobras até março de 2024, marcando o início do contrato.

Prio 

A Prio (PRIO3) anunciou que sua produção diária em dezembro foi de 101,5 mil barris de óleo equivalente por dia (boed), alta de 2,3% na comparação com o mês anterior.

Segundo a companhia, a produção no Campo de Frade foi de 55 mil barris de óleo por dia em dezembro, enquanto no Polo Polvo e Tubarão Martelo a produção ficou em 16,4 mil barris de óleo por dia. No Campo de Albacora Leste, a produção foi de 30,1 mil barris de óleo por dia.

Equatorial 

Em reunião realizada em 02 de janeiro de 2024, o conselho de administração da Echoenergia, subsidiária da Equatorial (EQTL3) elegeu o Liu Aquino, até então Diretor de Operações, como novo Diretor Presidente, sucedendo Tinn Amado.

Além disso, o Sr. Amado permanecerá no Conselho de Administração da CSA – Companhia de Saneamento do Amapá e da diretoria da Equatorial, onde já atuava. 

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

MRV

O conselho de administração da MRV (MRVE3), por unanimidade, ratificou os aportes realizados pela companhia na MRV US Holdings, no montante total de US$ 13 milhões para pagamento de juros e impostos devidos no âmbito dos instrumentos “Loan Agreement” e “Promissory Note” celebrados nos anos de 2020, 2021 e 2022.

Ademais, o Conselho aprovou o nome de Alex de Souza Medeiros (Diretor de GRC e Privacidade) para assumir a posição de Compliance Officer da MRV&Co., função anteriormente desempenhada por Fernanda Menin Teixeira de Souza Maia.

Santos Brasil

A Santos Brasil (STBP3) anunciou que movimentou 107,2 mil contêineres em dezembro, alta de 31% na comparação com o mesmo período de 2022.

Os destaques do mercado financeiro do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como a Petrobras (PETR4), que deve estar no foco dos investidores hoje.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Vinícius Alves

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno