Itaú (ITUB4) terá mudança em dividendos após ‘nova metodologia’ do BC? Entenda

Em nova análise sobre o Itaú (ITUB4), especialistas do UBS BB destacam que o banco – como os demais players do setor – devem ser impactados pela nova metodologia do Banco Central (BC). Com isso, no fim das contas o banco e seus concorrentes podem vir a aumentar seus proventos como impacto final dessa nova medida.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

Em suma, a mudança anunciada pelo Banco Central – que afeta o Itaú e os demais bancos – é uma resolução publicada na terça (28) que firma procedimentos para cálculo do requerimento de capital para o risco operacional.

O BC estima que essa nova metodologia terá um impacto de um capital adicional de cerca de R$ 34 bilhões – cifra que representa cerca de 2,6% do capital total do sistema financeiro brasileiro.

A implementação dessa nova metodologia do BC acontecerá em fases – começará no início de 2025 e deve terminar em 2028.

“Estimamos que esta nova exigência deverá reduzir o índice de Basileia dos bancos em 40-50 bps (após a implementação completa), que é menor que o inicial expectativas de impacto negativo de 100-150 pontos base”, explica o UBS BB.

“O impacto dos R$ 34 bilhões de capital adicional necessário para o sistema financeiro brasileiro é relativamente pequeno para os grandes bancos brasileiros. Estimamos que o capital adicional necessário será de cerca de R$ 2,4 bilhões para o Santander Brasil, R$ 3,9 bilhões para Bradesco e R$ 5,1 bilhões para o Itaú Unibanco”, completa.

Além disso, os especialistas destacam que, considerando uma taxa interna de retorno (TIR) de 13,5%, o Itaú fechou o terceiro trimestre deste ano com um “excesso de capital” de R$ 13,8 bilhões – o que representaria potenciais dividendos extraordinários com yield de 5%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

ITUB4 ainda está barato, diz UBS BB

Segundo os especialistas da casa, as ações do Itaú ainda estão baratadas no contexto atual.

Dito isso, o UBS-BB tem recomendação de compra para ITUB4, com preço-alvo de R$ 36, ao passo que os papéis são negociados pouco acima dos R$ 31 em bolsa.

“O valuation do Itaú é relativamente barato se compararmos com seus pares emergentes, especialmente considerando que o Retorno Sobre Patrimônio Médio (ROAE na sigla em inglês) deve seguir acima de 20% nos próximos anos”, justificam os especialistas de sell side.

“É provável que a otimização de capital do banco ainda destaque sua rentabilidade.. Um payout maior também deve ter um impacto positivo na Itaúsa (ITSA4)“, conclui o UBS-BB sobre o Itaú.

Desempenho das ações do Itaú

As ações do Itaú sobem 15% no acumulado dos últimos 30 dias, a R$ 31,16. Desde o início de 2023, os papéis mostram uma valorização de 27%. Nesta quarta as ações do banco fecharam com alta de 0,68%, a R$ 31,11.

Cotação ITUB4

Gráfico gerado em: 29/11/2023
1 Dia

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Eduardo Vargas

Compartilhe sua opinião