Semana do Fiagro

Intelbras (INTB3): lucro cai 6,5% para R$ 88,36 mi; 5G está no radar da empresa

Intelbras (INTB3): lucro cai 6,5% para R$ 88,36 mi; 5G está no radar da empresa
Intelbras (Foto: Reprodução)

A Intelbras (INTB3) divulgou nesta quarta-feira (27) o balanço do terceiro semestre de 2021. O lucro líquido foi de R$ 88,36 milhões, redução de 6,5% em relação ao apurado no mesmo período do ano anterior.

A empresa destaca que neste trimestre ultrapassou a receita operacional líquida reportada durante todo o ano de 2020: R$ 758,978 milhões, alta de 24,1% comparado ao mesmo intervalo do ano anterior, e 4,7% ante o trimestre anterior. A companhia já mira o mercado do 5G, com leilão previsto para novembro.

Segundo a Intelbras. o crescimento de receita operacional líquida neste período se deve à robustez das operações do segmento de segurança (com alta de 26,5% na comparação anual), associada ao acelerado ritmo de crescimento do segmento de energia.

“O principal destaque para a composição do lucro líquido no período se dá, além do lucro operacional, às receitas financeiras, que somaram R$ 20.645 milhões formadas basicamente por R$ 10,188 milhões como receita de aplicações financeiras e R$ 9,288 milhões pelos ajustes a valor presente de nossas contas com clientes e fornecedores”, diz comunicado da companhia.

Já o Ebitda (Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) atingiu R$ 89.020 milhões, 7,2% inferior ao trimestre anterior e 19,8% abaixo do apresentado no mesmo período do ano anterior.”

A empresa justifica que o incremento das despesas comerciais foi o principal responsável pela queda no Ebitda: no mesmo período do ano anterior o cenário e o controle da pandemia não permitiam a execução de tais despesas.

“Embora o cenário seja desafiador do ponto de vista do aumento de custos, gerado principalmente pelo incremento do custo das matérias primas, do frete internacional e também da estabilização do câmbio em um patamar considerado alto, a companhia vem conseguindo reajustar seus preços e manter sua margem bruta estabilizada”, informa a companhia.

Intelbras: leilão e desenvolvimento da linha de produtos 5G

A empresa diz estar com perspectivas boas. Reforçou que iniciou o desenvolvimento da linha de produtos 5G e lembrou que o leilão do 5G deve acontecer ainda em novembro deste ano, proporcionando a comercialização dos produtos da companhia no segundo semestre de 2022.

“Concluiremos o ano de 2021 com a perspectiva de iniciar um novo período de novas conquistas e maior presença nacional de nossa marca, em todos nossos segmentos de atuação”, diz a Intelbras.

Bruno Galvão

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO