Semana do ESG

IFIX inicia o mês de julho em queda, com baixa de quase 5% do XPPR11

IFIX inicia o mês de julho em queda, com baixa de quase 5% do XPPR11
IFIX hoje. Foto: Pixabay

O principal índice de fundos imobiliários, o IFIX, terminou a sessão desta sexta-feira (1º) em queda de 0,13%, aos 2.796 pontos. O índice devolveu os ganhos obtidos na sessão de ontem (30), quando se registrou uma alta de mesmo percentual (0,13%).

A cotação do IFIX alcançou sua máxima aos 2.799 pontos, enquanto a mínima registrada foi de 2.788 pontos. O índice inicia o mês de julho no negativo, após encerrar junho com uma performance de -0,88%.

Entre os destaques de valorização do pregão de hoje, se destaca o fundo imobiliário Santander Renda de Aluguéis (SARE11), com uma variação de 4,78%. Em seguida, veio o FII VBI Logístico (LVBI11), com alta de 4,10%.

Nos destaques negativos, impactou no IFIX hoje a queda do fundo XP Properties (XPPR11), em 4,99%. Além disso, o FII Vectis Juros Real (VCJR11) teve uma baixa de 2,49%, ficando na segunda posição de maiores baixas do dia.

Maiores altas do IFIX

As 5 maiores altas de fundos imobiliários do IFIX hoje foram:

  • SARE11: +4,78%
  • LVBI11: +4,10%
  • JSRE11: +3,24%
  • RCRB11 :+2,08%
  • RBRP11: +2,01%

Maiores baixas do IFIX

As 5 maiores quedas de FIIs na sessão foram:

  • XPPR11: -4,99%
  • VCJR11: -2,49%
  • PATL11: -2,38%
  • BRCR11: -2,20%
  • BTRA11: -1,99%

O Suno Fundo de Fundos (SNFF11), que liderou as valorizações do mês de junho, fechou a sessão com variação de +1,04%, impactando no valor do IFIX hoje.

HGRU11 fecha venda de duas lojas para as Casas Pernambucanas

O fundo imobiliário CSHG Renda Urbana (HGRU11) informou ao mercado e ao seus cotistas que firmou um novo contrato de compromisso de venda e compra, em que formalizou a venda de uma loja da carteira do fundo, localizada na cidade de Garça (SP). O imóvel está locado para a Arthur Lundgren Tecidos S/A Casas Pernambucanas, mais conhecido pelo seu nome Casas Pernambucanas.

O valor de venda do imóvel é de R$ 3,25 milhões, que será feito em duas tranches, com parcelas de R$ 1,625 milhão cada. Uma delas foi paga ainda ontem (30), no fechamento do contrato. A parcela remanescente será acertada no dia 25 de julho de 2022.

Outro imóvel vendido pelo FII HGRU11 para as Casas Pernambucanas foi uma loja localizada na cidade de Francisco Beltrão, no Paraná. Nesse caso, o valor da venda foi de R$ 7,8 milhões. O montante terá R$ 3,12 milhões pagos na data de fechamento, além de 24 parcelas de R$ 195 mil.

Com isso, o HGRU11 ficou entre os principais destaques dos fundos imobiliários do IFIX de hoje. Sua participação na carteira do índice é de 2,035%, com uma quantidade teórica de 18.406.458.

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO