FII RCRB11 sobe mais de 2% após anunciar aumento de dividendos; IFIX fecha estável

FII de escritórios vai pagar de R$ 0,99 a R$ 1,05 por cota, ao mês, em dividendos; veja altas e baixas do dia no pregão de FIIs.

O FII RCRB11 subiu 2,40% e ficou entre as principais altas do dia no pregão de fundos imobiliários desta quarta-feira (10), após anunciar em relatório gerencial um aumento em seu guidance de dividendos. Enquanto isso, o IFIX oscilou ao longo do dia, mas fechou em patamar praticamente estável em relação à véspera.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

O RCRB11 terminou o dia negociado a R$ 139,98, ante R$ 136,70 na véspera, no primeiro pregão depois de anunciar em seu relatório gerencial, publicado após o fechamento do mercado na terça-feira (9), que seu patamar de dividendos oscilará entre R$ 0,99 e R$ 1,05 por cota, ante o valor de R$ 0,93, distribuído no primeiro semestre.

Na sexta-feira (5), o fundo havia anunciado os proventos de R$ 0,99 para pagamento em 15 de julho, o que foi visto de forma surpreendente depois de o FII figurar como um dos credores da WeWork, empresa de espaços de coworking que está inadimplente com seis fundos imobiliários.

Agora, a gestora afirma que “o incremento projetado na distribuição de rendimentos atesta a qualidade dos ativos do fundo e da atuação da equipe de gestão em performar este portfólio”.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

FII RCRB11 tem alta; IFIX oscila e fica no zero

O IFIX fechou em 3.349,04 pontos, apenas 0,12 pontos abaixo do resultado da véspera, o que resultou numa queda apenas na terceira casa decimal, de 0,003%, depois de mais um dia de bastante oscilação. 

Depois de alcançar a máxima de 3.356,15 pontos logo nos primeiros minutos de negociação, o índice de FIIs caiu até entrar em patamar negativo pouco depois das 13h. Chegou à mínima de 3.347,92 pontos já perto do fechamento, mas reagiu nos últimos minutos para terminar o dia praticamente no “zero a zero”.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/07/Ebook-Fundos-Imobiliarios-Desktop.jpg

Assim, o índice de fundos imobiliários mantém resultados positivos acumulados de 0,22% nesta semana; 0,05% no mês de julho; e 1,14% no ano de 2024.

Entre as principais altas no pregão de hoje aparecem:

FundoVariaçãoFechamento
RBRF11+2,62%R$ 7,70
HGFF11+2,41%R$ 85,00
RCRB11+2,40%R$ 139,98
RBRR11+2,03%R$ 91,50
PVBI11+1,77%R$ 93,21

Na outra ponta, entre as principais quedas, ficaram:

FundoVariaçãoFechamento
BTRA11-2,77%R$ 53,29
JSRE11-2,54%R$ 63,20
VINO11-1,90%R$ 6,19
BCIA11-1,87%R$ 103,01
XPIN11-1,55%R$ 76,00

 

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Minicurso-FIIS.png

Em volume de cotas vendidas ao longo do pregão, os mais negociados foram

O IFIX é o principal índice do mercado de FIIs. Na atual carteira teórica, apresentada em maio e com validade até o fim de agosto, figuram 112 fundos imobiliários, escolhidos pela B3 a partir de indicadores como valor patrimonial e liquidez das cotas do FII, além de outros fatores.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Fernando Cesarotti

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno