Ibovespa sobe e fecha aos 101 mil pontos; Petrobras (PETR4) e Vale (VALE3) sustentam alta do índice

Ibovespa encerrou o pregão desta terça-feira (28) em alta de 1,52% aos 101.185,09 pontos, após oscilar entre 99.488,19 e 101.559,17 pontos. O volume financeiro do dia somou R$ 20,8 bilhões.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

bolsa de valores hoje operou com ganhos, conseguindo voltar a um patamar acima dos 100 mil pontos. Já no início do dia, a Ata do Copom foi divulgada e, sem deixar completamente de lado o tom duro, apontou que a depender da solidez das medidas que o Governo Federal apresentar, pode haver um um processo de desinflação.

“No texto, a ata também citou que a harmonia entre política monetária e fiscal reduz distorções do mercado. Com isso, acredito que o Copom passa a bola para o governo, dando recado de que um arcabouço fiscal crível pode reduzir as incertezas, o prêmio de risco e melhorar as expectativas da inflação”, destaca André Fernandes, Head de Renda Variável e sócio da A7 Capital.

Para Fernando Haddad, ministro da Fazenda e cabeça da equipe econômica, a Ata do Copom veio com termos mais condizentes. “Da mesma forma que aconteceu na reunião anterior, a ata, com mais tempo de preparação, veio com termos mais condizentes com as perspectivas futuras, de harmonização da política fiscal com a política monetária”, declarou.

Ainda segundo o ministro, o novo arcabouço fiscal — tão aguardado pelo mercado — será apresentado ainda esta semana para o público e para o Congresso. Vale lembrar que a viagem à China do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, foi adiada e é ele quem dará a palavra final sobre a proposta.

Enquanto isso, no mercado internacional as bolsas dos Estados Unidos e Europa refletiram o pessimismo com o setor bancário e apertos monetários. O dólar hoje fechou em queda (0,80%), a R$ 5,1648, após oscilar entre R$ 5,1490 e R$ 5,1950. As bolsas de Nova York também fecharam em queda.

Confira abaixo:

  • Dow Jones: -0,12% (32.394,65 pontos);
  • S&P500: -0,16% (3.971,30 pontos);
  • Nasdaq: -0,45% (11.716,08 pontos).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Entre as blue chips do Ibovespa, a Vale (VALE3) e outras mineradoras subiram no Ibovespa devido ao baixo estoque da commodity no portuário da China. Com o minério de ferro subindo 1,8%, a US$ 128,11 (882 iuanes) a tonelada, os papéis da VALE3 somaram 1,06%, a R$ 79,37, no fechamento de hoje.

A Petrobras (PETR4;PETR3) também subiu no pregão de hoje, com as ações preferenciais e ordinárias somando 1,77% e 1,73%, respectivamente. Isso porque o petróleo Brent para junho, negociado na Intercontinental Exchange (ICE), registrou alta de 0,49%, a US$ 78,14 o barrill.

Entre os ativos bancários, o fechamento do pregão foi misto. Entre as quedas, o Santander (SANB11)  recuou 0,19% e o Bradesco (BBDC4) teve baixa de 0,16%. Já entre as altas, o Itaú (ITUB4) avançou 0,47% e o Banco do Brasil (BBAS3) valorizou 0,69%.

Na ponta positiva do Ibovespa, destaque para os papéis da Hapvida (HAPV3), que fecharam com alta acima de 18%, após anunciar a venda de imóveis por R$ 1,2 bilhão.

Outros papéis que subiram no pregão de hoje foram da Eletrobras (ELET3), CPFL (CPFE3) e Energisa (ENGI11), diante da defesa do ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, de que a renovação da concessão das distribuidoras de energia elétrica seja feita sem ônus às empresas.

Também ficaram no campo positivo as ações da Ambev (ABEV3), diante da repercussão de que um importante concorrente, o Grupo Petrópolis, dono de marcas como Itaipava, Crystal e Petra, entrou com pedido de recuperação judicial.

Por fim, a maior queda do Ibovespa hoje foi da Rede D’Or (RDOR3), que apresentou os resultados do quarto trimestre de 2022 e que foram considerados abaixo de estimativas já conservadoras feita por analistas.

Maiores altas do Ibovespa

  • Hapvida (HAPV3): +18,47%
  • Qualicorp QUAL3: +6,35%
  • Petz (PETZ3): +5,98%
  • Braskem (BRKM5): +5,77%
  • Raízen (RAIZ4): +5,58%

Maiores baixas do Ibovespa

  • Rede D’Or (RDOR3): -4,85%
  • MRV (MRVE3): +2,83%
  • JBS (JBSS3): -2,02%
  • Yduqs (YDUQ3): -1,29%
  • Méliuz (CASH3): -0,99%

Cotação do Ibovespa nesta terça-feira (28)

Ibovespa fechou o pregão desta terça-feira (28) em alta de 1,52% aos 101.185,09 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Janize Colaço

Compartilhe sua opinião