Ibovespa sobe 0,74% e fecha aos 103 mil pontos; Bradesco (BBDC4), Itaú (ITUB4) e Vale (VALE3) puxam ganhos do dia

Ibovespa encerrou o pregão desta quinta-feira (16) em alta de 0,74% aos 103.434,66 pontos, após oscilar entre 102.454,77 e 103.911,26 pontos. O volume financeiro do dia somou R$ 26,4 bilhões.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

bolsa de valores hoje voltou a operar em alta, após atingir a mínima do ano na véspera. Em grande parte, por aqui, os investidores voltaram a se animar com a linha de crédito que o Banco Central Suíço disponibilizará ao Credit Suisse, melhorando o clima do mercado em geral.

Mas apesar do otimismo no pregão de hoje, o mercado ainda está atento a possíveis desdobramentos em outros bancos, principalmente o First National Bank, nos Estados Unidos, que também deve receber um aporte de até US$ 30 bilhões.

“São bancos cuja linha de crédito é direcionada, principalmente, para pequenas e médias empresas, que estão em dificuldades hoje para conseguir crédito no mercado, por conta das dívidas de curto prazo e que corroem o fluxo de caixa delas por conta do juros elevado”, explica André Fernandes, head de Renda Variável e sócio da A7 Capital.

Segundo ele, instalou-se uma “crise de confiança” no mercado com relação ao sistema financeiro. Desta forma, enquanto houver a possibilidade de que mais alguma crise bancária possa aparecer no radar, melhoras como a de hoje serão momentâneas.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Junto a alta do Ibovespa, o dólar hoje fechou em baixa (-1,03%), a R$ 5,239, após oscilar entre R$ 5,237 e R$ 5,312. Em movimento contrário, as bolsas de Nova York fecharam com ganhos. Confira abaixo:

  • Dow Jones: +1,17% (32.247,61 pontos);
  • S&P500: +1,76% (3.960,34 pontos);
  • Nasdaq: +2,48% (11.717,28 pontos).

Entre as blue chips do Ibovespa, embora o minério de ferro tenha recuado 2,8% (US$ 130,70 a tonelada), as ações da Vale (VALE) fecharam em leve alta de 0,37%, cotada a R$ 81,75.

Por outro lado, enquanto a cotação do petróleo fechou em alta, com os contratos para maio do Brent avançando 1,37% (US$ 74,70 o barril). Os ativos preferenciais e ordinários da Petrobras (PETR4;PETR3) encerraram a quinta-feira com queda de 0,34% e 0,38%, respectivamente.

Para Fernandes, a queda da Petrobras no Ibov deve-se ao fato de ela ser uma estatal. “Ela tem embutido um risco a mais por ser estatal e, com isso, fica sujeita a intervenções governamentais. Não é o que enxergamos, por exemplo, em outras petroleiras, como a Prio (PRIO3), que teve alta de 1,77% e onsegue se beneficiar com a alta recente do petróleo.”

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

E por falar em governo, está sob a mira dos investidores o novo arcabouço fiscal. Nesta semana, o ministro Fernando Haddad afirmou que a proposta seria apresentada ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) antes da sua viagem à China, que acontece na próxima sexta (24).

Vale lembrar que o ministro também havia prometido divulgar a âncora fiscal antes da próxima reunião do Comitê de Política Monetária (COPOM), que acontece nos dias 21 e 22 de março. Agora, Haddad afirma que a decisão está nas mãos de Lula.

“Na nossa visão, com vários programas assistenciais que o governo atual planeja implementar, acreditamos que teremos um aumento nas arrecadações via reforma tributária do que cortes de despesas substanciais com o novo arcabouço”, pontua o head de Renda Variável.

Com a expectativa de cortes na Selic ainda neste ano, as ações que mais subiram no pregão hoje são de empresas ligadas à tecnologia e consumo, visto que elas estão mais expostas à taxa de juros. Com isso a ponta positiva da bolsa contou com os papéis da Locaweb (LWSA3), Petz (PETZ3), CVC (CVCB3) e Natura (NTCO3).

Entre os ativos bancários, o dia também foi de ganhos. O Santander (SANB11) avançou 1,18%, o Itaú (ITUB4) somou 1,65%, o Banco do Brasil (BBAS3) valorizou 1,07% e o Bradesco (BBDC4) teve alta de 2,81%.

Enquanto isso, na ponta negativa do índice o destaque foi a Taesa (TAEE11), que apresentou os resultados do quatro trimestre de 2022 (4T22) e os lucros encolheram 94%. Embora a Genial Investimentos tenha visto um resultado operacional forte, os analistas do Itaú BBA e do BTG Pactual (BPAC11) apontam para a alavancagem da empresa.

Maiores altas do Ibovespa

  • Locaweb (LWSA3): +13,04%
  • CVC (CVCB3): +8,14%
  • Petz (PETZ3): +8,08%
  • Localiza (RENT3): +5,46%
  • Méliuz (CASH3): +4,85%

Maiores baixas do Ibovespa

  • Taesa (TAEE11): -4,03%
  • Eneva (ENEV3): -3,07%
  • Assaí (ASAI3): -2,93%
  • Via (VIIA3): -2,83%
  • Engie Brasil (EGIE3): -2,76%

Cotação do Ibovespa nesta quinta-feira (16)

Ibovespa fechou o pregão desta quinta-feira (16) em alta de 0,74% aos 103.434,66 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Janize Colaço

Compartilhe sua opinião