Semana do ESG

HCTR11: com resultados ainda maiores, gestora explica risco da carteira

HCTR11: com resultados ainda maiores, gestora explica risco da carteira
HCTR11 - Fonte; Unsplash

O Fundo de Investimento Imobiliário Hectare CE (HCTR11), com gestão da Hectare Capital, divulgou nesta sexta-feira (24) os resultado do fundo. A gestora comentou o crescimento das receitas do fundo, explicando também que todos os certificados de recebíveis imobiliários (CRIs) de sua carteira estão adimplentes e com risco sob controle.

A gestora utilizou seu relatório gerencial para explicar um ponto importante aos investidores, que questionaram se o CRI com a Razão de Fluxo Mensal menor do que 100% significa inadimplência da operação. A gestão do HCTR11 disse de forma categórica que não há relação direta.

Em sua explicação, a gestora comenta que a Razão de Fluxo Mensal menor do que a mínima estabelecida é apenas um indicador para a securitizadora alertar à empresa (desenvolvedora do projeto) a necessidade de aportar recurso no próximo mês para cobrir o desenquadramento.

Porém, só quando a empresa devedora não aporta este valor ao fundo que é utilizado uma parte da reserva, e assim o devedor é notificado a fazer o pagamento para reconstituir 100% o fundo de reserva.

O HCTR11 garante que a prática de utilização de sua reserva para repor atrasos de pagamentos dos CRIs tem sido pouco frequente. Neste ponto, o fundo segue com as finanças positivas e risco sob controle.

Os resultados do fundo e aumento de dividendos


Referente a maio, o fundo investiu R$ 103,79 milhões e vendeu R$ 152,09 milhões em CRIs. Do total alocado, 77% foram aumentos de posição em ativos já em carteira e 23% em novos ativos.

Os dividendos do HCTR11 no mês de junho foram de R$1,77 por cota, o equivalente a dividend yield de 1,48%, comentou a gestora. O fundo possui R$ 54,3 milhões de lucro contábil acumulado. Confira abaixo:

HCTR11
HCTR11 – Fonte: Relatório Gerencial

Embora o resultado tenha sido maior que o mês anterior, os rendimentos tiveram acréscimo menor. Tanto os ganhos com juros e correção monetária dos ativos foram maiores. No entanto, os dividendos do mês de maio foram de 1,75, enquanto o acréscimo deste mês foi de apenas R$,02 centavos.

O HCTR11 aproveitou para aumentar seu fundo de reserva, mantendo em caixa o valor de R$ 5.706.914. Este é o maior valor de 2022, que pode ser distribuído no final do semestre em cumprimento da legislação, que prevê que 95% dos lucros semestrais sejam distribuídos aos cotistas.

Por fim, a gestora informou que o resultado deste mês foi impactado principalmente pela correção monetária, a qual é explicada pela variação do IPCA de março em 1,62% e abril em 1,06%.

Neste caso, 90% dos CRIs do fundo são indexados ao IPCA, sendo que a gestora deixou claro que todos os ativos estão em dia com seus pagamentos.

O perfil do FII HCTR11

O FII Hectare CE é um fundo imobiliário que tem como objetivo proporcionar aos cotistas a valorização e a rentabilidade de suas cotas no longo prazo. O fundo prioriza investimentos em ativos imobiliários, buscando rendimentos e ganhos de capital advindos destes.

Por fim, o HCTR11 possui patrimônio líquido de R$2,67 bilhões e 22.084.202 de cotas emitidas, enquanto o valor patrimonial de sua cota é de R$120,03, sendo sua taxa de administração e gestão é de 1,20% a.a. do patrimônio líquido.

Gustavo Bianch

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO