Gerdau (GGBR4) e Metalúrgica Gerdau (GOAU4) concluem reorganização societária da subsidiária mexicana Sidertúl

Gerdau (GGBR4) e Metalúrgica Gerdau (GOAU4) concluem reorganização societária da subsidiária mexicana Sidertúl
Gerdau - Foto: Divulgação

A Gerdau Metalúrgica (GGBR3) e Metalúrgica Gerdau (GOAU3) informaram nesta terça (30) que as etapas de reorganização societária envolvendo sua subsidiária mexicana foram concluídas.

Segundo documento arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a incorporação das empresas Sidertúl e Aceros Corsa, igualmente localizadas no México, pela Gerdau Corsa, faz parte da reorganização e simplificação da estrutura societária no país.

O objetivo é fortalecer a estrutura financeira da Gerdau Corsa, com a redução da alavancagem e das despesas financeiras, assim como centralizar as principais atividades do negócio, gerando uma maior eficiência operacional das sociedades envolvidas. Além disso, visa otimizar os processos internos, criando sinergia nas atividades e economia de escala com a redução dos custos administrativos, operacionais e tributários.

Em decorrência da incorporação, a Gerdau passa a deter, indiretamente, a participação de 75% no capital social da Gerdau Corsa, mantendo-se o controle compartilhado com o Grupo Córdova.

“Adicionalmente, a reorganização societária reforçará o compromisso das companhias com suas operações no México, geografia importante e estratégica dentro da sua visão de longo prazo“, conclui a companhia.

A reorganização societária foi aprovada pelos acionistas das sociedades envolvidas, assim como pela Comisión Federal de Competencia Económica – COFECE (órgão de defesa da concorrência mexicano), e passa a produzir efeitos a partir de 1º de dezembro de 2021.

Gerdau (GGBR4) anuncia recompra de até US$ 500 milhões em bonds

A companhia anunciou ao mercado a recompra à vista de até US$ 500 milhões dos títulos de dívidas (bonds) em circulação no mercado internacional.

De acordo com o fato relevante, os títulos que serão comprados são os seguintes:

  • bonds com juros de 4,750% e vencimento em 2023, emitidos pela Gerdau Trade (GTI)
  • bonds com juros de 5,893% e vencimento em 2024, emitidos em conjunto pela Gerdau Holdings (GHI) e pela GTL Trade Finance (GTL)
  • bonds com juros de 4,875% e vencimento em 2027, emitidos pela GTI

“O principal objetivo da oferta de recompra é o gerenciamento dos passivos da companhia e de suas controladas”, informou a Gerdau em seu documento.

(Com informações da Agência Estado)

Bruno Galvão

Compartilhe sua opinião

Comece 2022 investindo nos melhores Fundos Imobiliários

Baixar agora!