Gafisa (GFAS3) confirma conversa com BRMalls (BRML3)

Gafisa (GFAS3) confirma conversa com BRMalls (BRML3)
Gafisa (GFAS3) - Foto: Divulgação

A Gafisa (GFAS3), controlada pelo empresário Nelson Tanure, admitiu que mantém conversas com a empresa de shoppings BRMalls (BRML3) em busca de oportunidades de ampliação dos negócios, conforme a imprensa revelou ao mercado na segunda-feira (14).

“(A Gafisa) mantém conversas com diversos agentes do mercado no intuito de identificar oportunidades, que incluem a BRMalls, assim como outras empresas do segmento, buscando inclusive desenvolver sua unidade de negócios de propriedades, não havendo quaisquer documentos até o momento celebrados”, disse a construtora, em nota.

Sob comando de Tanure, a Gafisa montou, em 2020, um braço de investimentos em propriedades comerciais para complementar a atuação da empresa, tradicional no ramo de empreendimentos residenciais. Já comprou os shoppings Jardim Guadalupe e Fashion Mall, ambos no Rio.

A avaliação de Tanure é de que o negócio de construção e comercialização de apartamentos passa por muitos altos e baixos, o que torna os resultados da Gafisa muito instáveis – ainda mais agora com o ciclo de alta dos juros no País, que tende a esfriar as vendas de imóveis. Os shoppings, por sua vez, geram um faturamento mais estável proveniente dos aluguéis cobrados mensalmente dos lojistas.

Na Gafisa, o braço de propriedades comerciais é tocado pelo executivo Guilherme Pesenti, que esteve com Tanure na PetroRio e também integra o conselho da Copel, que também recebeu investimento do empresário.

Após negar proposta da Aliansce, BRMalls negocia com Gafisa e rivais

Um mês após seu conselho de administração recusar a proposta de união com a Aliansce Sonae (ALSO3), a administradora de shoppings BRMalls estuda opções para ampliar o tamanho do negócio por meio de outras fusões e aquisições

A BRMalls, dona de 31 shoppings em 12 Estados, reabriu conversas com a Ancar Ivanhoe e com o empresário Nelson Tanure,  com quem os acionistas da gestora de centros de compras já haviam negociado em 2021. E nem mesmo a fusão com a Aliansce pode ser descartada.

As negociações entre BRMalls e Aliansce Sonae podem ganhar novos capítulos nas próximas semanas. Depois da proposta de combinação dos negócios ser recusada pelos conselheiros, a reportagem apurou o jornal O Estado de S.Paulo que as conversas passaram a ocorrer entre os acionistas das duas empresas.

A estratégia é formar um grupo relevante o suficiente a ponto de mobilizar o conselho e reabrir tratativas.

A BRMalls tem uma base de acionistas pulverizada, sem um controlador definido, e há indicativos de que houve uma mudança relevante nesse pilar. As compras e vendas de ações da companhia nos últimos 30 dias cresceram quase 50%, em comparação com o giro médio do papel em 2021.

Última cotação da Gafisa e BRMalls

Na última sessão, quinta-feira (17), as ações da Gafisa encerraram o pregão em queda de 2,45%, negociadas a R$ 1,99. Por sua vez, BRMalls encerrou em baixa de 0,51%, a R$ 9,67.

(Com informações do Estadão Conteúdo)

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO