Doria desiste de chance de ser presidente, apesar de ter conquistado aval do partido

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), avisou a aliados, inclusive o vice-governador do Estado, Rodrigo Garcia, que pretende disputar a reeleição pelo comando do Estado e não mais a Presidência da República. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

No ano passado, Doria ganhou a indicação do partido à campanha para presidente após disputar e vencer o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e o ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB). Doria obteve 54,0% dos votos tucanos, enquanto Leite teve 44,7% e Virgílio 1,4%.

O plano inicial era de que Doria disputasse a cadeira de presidente do Brasil pelo PSDB. A saída do governador abriria espaço para que o vice, Rodrigo Garcia, tentasse conquistar o comando do Estado. Para isso, Garcia deixou o DEM em abril do ano passado em favor da sigla tucana.

Governador de São Paulo João Doria (PSDB) e vice Rodrigo Garcia (PSDB). Foto: Governo do Estado de São Paulo.
Governador de São Paulo João Doria (PSDB) e vice Rodrigo Garcia (PSDB). Foto: Governo do Estado de São Paulo.

Segundo pesquisas de opinião recentes, caso as eleições fossem hoje, são pequenas as chances de Doria, na disputa presidencial, e de Garcia, ao comando do Estado, de conquistarem uma cadeira no segundo turno.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Agora, Doria pode tentar a reeleição como governador de São Paulo, mas a mudança de estratégia abriu uma crise entre os tucanos, alguns dos quais, se sentem traídos pelo descumprimento do acordo. A alteração abre caminho para que o governador do Rio Grande do Sul seja o candidato do PSDB.

O prazo para desincompatibilização dos atuais cargos a fim de que disputem as eleições vai até sábado (2). A menos que os candidatos pretendam disputar a reeleição, é necessário pedir afastamento dos atuais cargos públicos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Pesquisas eleitorais mostram cenário polarizado e Doria aquém

Para a Presidência da República, pesquisa Datafolha divulgada na semana passada mostra Doria com 2% das intenções de voto. O atual governador de São Paulo aparece em quinto lugar, tecnicamente empatado, no limite da margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos, com o pedetista Ciro Gomes, com 6%.

O levantamento presencial ouviu 2.556 pessoas com 16 anos ou mais entre 22 e 23 de março e está registrada no TSE sob BR-08967/2022.

Já pesquisa Real Time Big Data para o governo do Estado divulgada nesta semana mostra Rodrigo Garcia em quarto lugar, com 6% das intenções de voto, tecnicamente empatado com a presidente do Podemos e deputada federal, Renata Abreu, com 2%.

Foram ouvidas 1.500 pessoas por telefone entre sexta-feira (25) e domingo (27). A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob número SP-09439/2022.

O Suno Notícias procurou a assessoria do governador João Doria mas não obteve resposta até o momento.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

Pedro Caramuru

Compartilhe sua opinião