Itaú (ITUB4), Petrobras (PETR4) e Eletrobras (ELET3) agitam mercado financeiro; veja destaques de hoje

O balanço do primeiro trimestre do Itaú Unibanco (ITUB4), em que reportou um aumento de 14,6% no lucro líquido, está entre os destaques do mercado financeiro desta segunda-feira (8).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

Também está entre os destaques do mercado financeiro a Petrobras (PETR4), que recebeu autorização da ANP para retomar a produção de mais nove instalações do Polo Bahia Terra.

A Eletrobras (ELET3) também está no radar dos investidores, após informar que vai avaliar medidas contra tentativa de reestatização, assim como ao BTG Pactual (BPAC11), que reportou um aumento anual de 10% no lucro líquido ajustado do primeiro trimestre.

Veja os destaques do mercado financeiro de hoje:

Itaú

O Itaú Unibanco (ITUB4) teve um lucro líquido gerencial de R$ 8,435 bilhões no primeiro trimestre de 2023, alta de 14,6% em relação ao mesmo período do ano anterior. Na comparação sequencial, a alta foi de 10%.

O retorno recorrente sobre o patrimônio líquido médio (ROE) anualizado foi de 20,7%, contra 20,4% verificados um ano antes e de 19,3%, vistos no quarto trimestre de 2022.

Segundo o Itaú, alguns fatores influenciaram no resultado, como o aumento da receita com prestação de serviços e seguros, bem como o crescimento da margem financeira com clientes.

Petrobras

A Petrobras (PETR4) informou que recebeu autorização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para retomada da produção de mais nove instalações do Polo Bahia Terra.

Das 38 instalações totais, 26 já foram liberadas para operação, o que vai possibilitar o restabelecimento de aproximadamente 66% da produção total do local.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

Eletrobras

Em resposta à ação direta de inconstitucionalidade proposta pela União, questionando o teto de 10% do capital votante a qualquer acionista da empresa, a Eletrobras (ELET3) informou que o processo de desestatização “seguiu fielmente todo o trâmite legalmente previsto”, e que vai avaliar as medidas que eventualmente deverão ser adotadas visando a segurança jurídica dos acionistas e do mercado em geral.

BTG Pactual

Entre os meses de janeiro a março deste ano, o BTG Pactual (BPAC11) anotou um lucro líquido ajustado R$ 2,26 bilhões, alta de 10% na comparação com o mesmo período de 2022.

O lucro líquido ajustado por unit foi de R$ 0,59, acima dos R$ 0,54 registrados um ano antes.

O retorno sobre patrimônio líquido (ROE) no período foi de 20,9%, um recuo de 0,6 pontos percentuais (p.p.) na base anual. O patrimônio líquido do BTG Pactual totalizou R$ 44,2 bilhões no primeiro trimestre, aumento de 12,5% na mesma comparação.

Banco Inter

A Inter&Co, holding controladora do Banco Inter (INBR2), reportou lucro de R$ 24,8 milhões no primeiro trimestre de 2023, revertendo prejuízo de R$ 28,8 milhões registrado no mesmo período do ano anterior.

Entre os meses de janeiro a março, a receita bruta do banco chegou a R$ 1,8 bilhão no período, alta de 40,5% na mesma comparação. O retorno sobre patrimônio líquido (ROE) foi de 1,4%, um avanço de 2,7 pontos percentuais (p.p.) na base anual.

No primeiro trimestre, o Banco Inter superou a marca de 26,3 milhões de clientes, crescimento de 44% na base anual.

Os destaques do mercado financeiro do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como o Itaú Unibanco (ITUB4), que deve estar no foco dos investidores ao longo do dia.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno