AGENDA

Destaques de Empresas: NotreDame (GNDI3), Inter (BIDI11) e Gol (GOLL4)

Destaques de Empresas: NotreDame (GNDI3), Inter (BIDI11) e Gol (GOLL4)
NotreDame. Foto: Reprodução Facebook NotreDame

Nos destaques de empresas desta segunda-feira (7), chama a atenção do mercado a NotreDame Intermédica (GNDI3) que assinou o contrato para a aquisição do Centro Clínico Gaúcho, com o valor da transação em R$ 1 bilhão.

Entre os destaques de empresas está o Banco Inter (BIDI11) que confirmou que avalia realizar uma oferta subsequente de ações (follow-on) com o preço fixado em R$ 57,84 por unit. Já a Gol (GOLL4) que informou que a demanda para voos aumentou 518,6% no mês passado, em comparação com maio de 2020. Por sua vez, a Petrobras (PETR4) realizará parada programada em plataforma na Bacia de Santos.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

A CSN (CSNA3), após o Estado de Minas Gerais obrigar a empresa a tomar medidas de segura, informou que a barragem não apresenta “risco nas escalas mencionadas”.

Veja os destaques de empresas desta segunda-feira:

NotreDame Intermédica

A NotreDame Intermédica informou ao mercado que assinou o contrato para aquisição do Centro Clínico Gaúcho, com o valor da transação fixado em R$ 1,06 bilhão.

Segundo o fato relevante, a companhia disse que o montante será pago à vista, em dinheiro, descontados o endividamento líquido e uma parcela retida para contingências.

Após a conclusão, a NotreDame terá um market share aproximado de 13,6% na região metropolitana de Porto Alegre.

Banco Inter

O Banco Inter confirmou que avalia realizar um follow-on com o preço fixado em R$ 57,84 por unit. A oferta contará com o compromisso da Stone (NASDAQ: STNE) em subscrever papéis para atingir a participação de até 4,99% no capital social do banco, com um investimento de R$ 2,5 bilhões. A informação foi divulgada nesta segunda-feira.

Para isso, o Banco Inter convocou uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE), que deliberará no dia 24 de junho sobre o aumento do capital autorizado da instituição, de R$ 5 bilhões para R$ 12 bilhões.

Gol

Entre os destaques de empresas está a Gol que divulgou seus resultados previsto de tráfego de maio de 2021. O documento aponta que, no mercado doméstico, a demanda (RPK) para voos da aérea aumentou 518,6% no mês passado em comparação com maio de 2020, enquanto a oferta (ASK) cresceu 425,4%, na mesma base comparativa.

Já no acumulado dos cinco meses do ano, a demanda para voos da Gol tem uma queda de 26,9%, em comparação com o período entre janeiro e maio do ano passado, ao passo que a oferta caiu 28,4% na mesma comparação.

Petrobras

A Petrobras dará início em 15 de agosto a uma parada programada de 30 dias para manutenção da plataforma de Mexilhão e do gasoduto Rota 1, que escoa o gás natural produzido em Mexilhão e em outras plataformas do pré-sal e pós-sal da Bacia de Santos.

Em comunicado ao mercado, a Petrobras explica que a intervenção já estava planejada há vários meses, considerando sua complexidade e a necessidade de contratação de bens e serviços e coordenação da disponibilidade dos recursos necessários.

CSN

Depois de ter sido obrigada a tomar medidas de segurança para evitar o rompimento da barragem da Mina de Fernandinho, a CSN disse na noite de sexta-feira (4) que obras vinham sendo realizadas e a barragem não apresenta o “risco nas escalas mencionadas”.

Ontem, o Estado de Minas Gerais conseguiu liminar contra a CSN e sua controlada Minérios Nacional, alegando suposta instabilidade e risco de rompimento na estrutura da Barragem B2A, localizada no município de Rio Acima, próximo a Belo Horizonte.

Os destaques de empresas do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião