Copasa (CSMG3): lucro líquido despenca 93,2% no terceiro trimestre

Copasa (CSMG3): lucro líquido despenca 93,2% no terceiro trimestre
Copasa (Foto: Divulgação)

A Companhia de Saneamento de Minas Gerais, Copasa (CSMG3) divulgou nesta quarta-feira (3) seus resultados no terceiro trimestre de 2021.  A companhia anotou um lucro líquido de R$ 16,3 milhões, que representa queda de 93,2% ante o terceiro trimestre de 2020, que atingiu R$ 240,5 milhões.

lucro por ação da Copasa foi de R$ 0,63 no terceiro trimestre do ano anterior para R$ 0,04 no mesmo período deste ano.

O EBITDA da Copasa, por sua vez, totalizou R$ 471,9 milhões, queda de 10,2% quando comparado ao mesmo período no ano passado, de R$ 525.699 milhões. Enquanto isso, a margem EBITDA ajustada atingiu 34,8%, queda de 4,2 pontos percentuais ante 39% do 3T20.

Em contraste, a receita líquida de água, esgoto e resíduos sólidos do 3T21 totalizou R$ 1,31 bilhão, 2,5% superior ao 3T20. O balanço da Copasa afirma que o resultado é explicado pela aplicação de novas tarifas pela empresa, sendo de 3,04%, a partir de novembro de 2020, em função do reajuste tarifário daquele ano, e de -1,52%, a partir de agosto de 2021.

Além disso, o número unidades consumidoras de água aumentou em 1,8%, enquanto a de esgoto subiu 3,6. A empresa também destaca influenciaram na receita a queda de 1,3% no volume por economia de água e esgoto, assim como a redução do número de dias de consumo em 0,6%, sendo 90,6 dias no 3T21, contra 91,2 dias no 3T20.

Entre julho e setembro desse ano, a receita líquida direta – água somou R$ 840 milhões, um avanço de 5,4% na comparação ano a ano, com R$ 796,7 no ano passado. A receita líquida direta – esgoto totalizou R$ 444,4 milhões, queda de 2,5% na mesma base comparativa, com R$ 455,7 milhões.

Alavancagem da Copasa atingiu 1,5x

A Copasa informa também que a dívida bruta atingiu R$ 3,99 bilhões em setembro de 2021. A dívida líquida, por sua vez, passou de R$ 2,27 bilhões para R$ 2,57 bilhões. Já o índice de alavancagem, medido pela relação Dívida Líquida/EBITDA dos últimos 12 meses, atingiu 1,5x.

A Copasa possuía, em setembro de 2021,640 concessões de água e 310 concessões de esgoto. Dentre elas, somente as 10 principais concessões representavam cerca de 51% do faturamento da empresa.

Bruno Galvão

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO