Semana do ESG

B3 (B3SA3) atualiza valor de dividendos milionários por ação; veja reajuste

B3 (B3SA3) atualiza valor de dividendos milionários por ação; veja reajuste
B3 (B3SA3). Foto: Divulgação/B3

A B3 (B3SA3) comunicou nesta terça-feira (28) o valor de pagamento dos Juros Sobre Capital Próprio (JCP) e dividendos a serem pagos aos seus acionistas, inicialmente divulgados na última quinta-feira (23).

O valor dos dividendos por ação subiu de R$ 0,069 para R$ 0,0698. Já o aumento do JCP da B3 foi de R$ 0,0606 para R$ 0,0609 por ação.

Os dividendos da B3, assim como o JCP, serão pagos em 08 de julho de 2022.

Apenas os investidores com ações da B3 no dia 28 de junho de 2022 poderão receber os rendimentos. A partir do dia 29 de junho, as ações serão negociadas sem direito aos dividendos.

No total, a B3 ainda vai pagar aproximadamente R$ 773 milhões em proventos, sendo R$ 360 milhões em JCP e R$ 413 milhões em dividendos.

Segundo documento arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), esses proventos fazem parte dos dividendos obrigatórios do exercício de 2022.

O valor dos JCP terá retenção do imposto de renda na fonte, com alíquota de 15%, resultando em aproximadamente R$ 0,0517 por ação (anteriormente de R$ 0,0515).

JCP e dividendos da B3

  • Valor total: R$ 773 milhões, aproximadamente
  • Valor por ação: R$ 0,13077563 no total
  • Data de corte: 28 de junho de 2022
  • Data do pagamento: 08 de julho de 2022
  • Rendimento (dividend yield): 8,17%

Leia também

B3 teve queda de 8,5% no volume diário em maio, para R$ 30,4 bilhões

B3registrou volume financeiro médio diário de R$ 30,4 bilhões em maio, equivalente a uma queda de 8,5% na comparação com maio de 2021.

Em relação a abril de 2022, houve alta de 5,5%. A B3 divulgou os valores em seus destaques operacionais nesta terça-feira (14). Os maiores volumes vieram do mercado à vista de ações, com R$ 29,3 milhões na média diária, queda anual de 8,4%, e valorização mensal de 5,2%.

O número total de contas na depositária chegou a 5,1 milhões, 37,5% a mais que em abril de 2021. Em relação aos números de março, a B3 apurou crescimento de 0,9%. Os investidores pessoas físicas somaram 4,3 milhões, alta anual de 40,4% e mensal de 1%.

O número de empresas listadas passou de 437 para 452 em 12 meses. O valor de mercado das companhias recuou 17,3% na mesma base de comparação e diminuiu 6,2% em um mês, para R$ 4,497 bilhões.

Cotação

No pregão de hoje, a cotação das ações da B3 caiu 2,84%, cotada a R$ 11,27. No ano, o papel acumula alta de 5,13%.

Victória Anhesini

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO