Ambev (ABEV3): 4T23 deve ser misto, com receita acima do consenso, diz Genial

À espera da divulgação de resultados do 4T23 da Ambev (ABEV3), que deve ocorrer na terça-feira (29), a Genial prevê que a fabricante de bebidas deve apresentar resultado sólido, com destaque para o pequeno crescimento da receita líquida e uma ligeira expansão de margens. 

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-2-1.png

“Os principais destaques positivos devem vir, novamente, do Brasil e do segmento CAC (América Central e Caribe), enquanto os negativos do LAS (América Latina do Sul), em virtude do difícil cenário macroeconômico na Argentina, e do Canadá”, dizem os analistas em relatório.  

A análise das commodities que compõem o Cogs – vendas líquidas e custo dos produtos vendidos – da Ambev (trigo e milho), aponta para um viés baixista, sugerindo potencial para novas expansões de margens nos próximos exercícios, conforme os estrategistas. 

A Genial recomenda manter as ações da Ambev, com um preço-alvo de 12 meses de R$ 15.

O texto do relatório ainda aponta que as projeções para o 4T23 da Ambev revelam uma receita total de R$ 23 bilhões, um crescimento anual de 1,3%, um Ebitda estimado em R$ 7,6 bilhões (crescimento de 6,8% a/a), e um lucro líquido projetado de R$ 4,5 bilhões, indicando um recuo de 12,8% a/a.

Para os analistas, as projeções se situam acima do consenso em termos de receita, mas com uma margem Ebitda ligeiramente menor.

Com pontos de destaque como a linha premium no segmento de cerveja no Brasil e as operações promissoras na República Dominicana, a Genial diz que espera uma continuidade na expansão gradual de margens ao longo de 2024, mas veem dois desafios pela frente: as dificuldades na Argentina e a falta de perspectivas positivas para a indústria de cerveja no Canadá.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

Ambev: exclusividade no Carnaval deve impulsionar vendas 

Neste ano, a empresa assegurou a exclusividade das vendas durante o carnaval de rua na cidade de São Paulo por R$ 26,6 milhões, conforme divulgado pela prefeitura da capital. O montante representa um acréscimo de R$ 1 milhão em relação ao ano passado.

Globalmente, a marca estimou atrair aproximadamente 35 milhões de foliões em várias regiões do país, patrocinando os carnavais de Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro, além de eventos privados e parcerias com 150 blocos distribuídos pelo Brasil.

Apesar da marca não revelar os números isolados de vendas dos períodos, em entrevista ao Suno Notícias no dia 7 deste mês, o diretor de Estratégia e Integração da Plataforma Ambev Brasil, Ronaldo Rozenbaum, disse que celebrações ajudam a impulsionar o negócio da Ambev “à medida que o business está muito direcionado a momentos de celebração, caso do Carnaval, a maior festa do país.”

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Murilo Melo

Compartilhe sua opinião