Vale (VALE3): comitê para eleger Conselho tem instalação aprovada

Vale (VALE3): comitê para eleger Conselho tem instalação aprovada
Vale. Foto: Divulgação

A Vale (VALE3) comunicou nesta sexta-feira que seu Conselho Administrativo aprovou a instalação de um comitê de nomeação para assessorar o processo de eleição do Conselho que ocorrerá na próxima assembleia geral ordinária, em 29 de abril de 2022. O comitê será coordenado pelo atual presidente do Conselho Administrativo e será composto por maioria de membros independentes que atualmente fazem parte do conselho.

Segundo consta em comunicado enviado à Comissão de Valores Imobiliários (CVM), o comitê será dissolvido logo após a apresentação de seu relatório contendo a lista de nomes dos candidatos recomendados para a eleição do novo Conselho de Administração da Vale, bem como os nomes indicados para presidência e vice-presidência do conselho.

Conforme comunicado ao mercado de 22 de novembro de 2021, considerando que o atual Conselho de Administração foi eleito pelo regime do voto múltiplo e houve renúncia de um membro do colegiado, a próxima assembleia geral de acionistas deve proceder à eleição de todo o Conselho Administrativo.

Em 2022, a Vale pretende investir US$ 5,8 bilhões em 2022, incluindo plantas de filtragem de rejeitos, descaracterização de barragens a montante e outras frentes de crescimento.

Para os próximos anos , a Vale estima investimentos na faixa de US$ 5 bilhões a US$ 6 bilhões anualmente.

O que torna a Vale (VALE3) tão atrativa? Genial eleva preço-alvo e responde

Vale (VALE3) é uma das principais empresas recomendadas para compor a carteira de ações dos investidores em 2022. A mineradora é a escolha para o setor de metais pela Genial Investimentos e também já apareceu em relatórios da XP Investimentos, Bank of America (BofA), Morgan Stanley, BTG Pactual e outros.

Afinal, o que torna a Vale tão atrativa? Para Gabriel Tinem, analista do setor de mineração da Genial Investimentos, são três os principais motivos que podem responder a essa pergunta:

Relacionado aos três fatores está o preço do minério de ferro, que também influencia na atratividade da mineradora.

“Em nossa visão, com o preço de longo prazo do minério de ferro em US$ 75/ tonelada, a ação VALE3 ainda possui potencial de alta em relação ao preço atual. Cabe ressaltar que, no momento, a perspectiva para o recurso é boa, com o preço superando a faixa dos US$ 120/tonelada.”

Com isso, os investidores conseguem retornos na forma de mais dividendos e também com a valorização dos papéis da Vale.

A recomendação da Genial é de compra para as ações da Vale, com o preço-alvo de R$ 115,00 – potencial de upside de 33% frente o valor de R$ 86,47, fechamento no dia 20/01.

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO