AGENDA

TRXF11 compra imóvel locado à Rede Assaí (ASAI3) em Macaé, no RJ

TRXF11 compra imóvel locado à Rede Assaí (ASAI3) em Macaé, no RJ
Assaí. Foto: Reprodução Site

O fundo imobiliário TRXF11 concluiu a compra de um imóvel que pertencia ao grupo Sendas Distribuidora S.A., que opera a Rede Assaí Atacadista (ASAI3), no município de Macaé, no Rio de Janeiro. O valor da negociação não foi divulgado.

De acordo com o fato relevante divulgado pelas gestoras do TRXF11, a TRX e BRL Trust, a operação é a segunda em menos de um mês, que faz parte do acordo firmado para aquisição e construção de cinco lojas de supermercados do grupo no valor de R$ 364 milhões, anunciada em julho deste ano.

Com a aquisição, o fundo passa a ser proprietário de 47 imóveis ocupados por marcas como Extra, Pão de Açúcar (PCAR3), BIG e Assaí, além de dois centros de distribuição, somando R$ 1,7 bilhão investidos em imóveis de 32 cidades brasileiras.

“O acordo está alinhado com a estratégia do TRXF11 de aquisições de imóveis varejistas locados para grandes empresas e com contratos de longo prazo, e reforça a posição do fundo como um dos maiores FIIs listados na B3 e o maior com ativos dentro do setor supermercadista”, informou o documento.

O imóvel adquirido se encontra em fase de construção, a qual vêm sendo acompanhada pela Gestora e pela consultora imobiliária do fundo há meses, com previsão estimada de término para o mês de novembro de 2021. Do total valor do preço de aquisição do imóvel Macaé, 49,40% já foi pago e o restante será pago mediante evolução das obras de construção

Segundo o documento, o imóvel Macaé foi locado à SENDAS pelo prazo de 20 anos, celebrado na modalidade built to suit, com início de vigência e pagamento de aluguéis imediatos, penalidade por rescisão antecipada equivalente ao saldo devedor integral na hipótese de rescisão antecipada. “Não haverá a possibilidade de ação revisional de aluguel durante o prazo de vigência inicial do contrato de locação.”

Compra do imóvel Macaé pelo TRXF11 é proveniente de emissão de cotas

Os recursos utilizados para a aquisição do imóvel Macaé foram provenientes da 5ª Emissão de cotas do Fundo, ainda em andamento, e da securitização de parte dos créditos imobiliários decorrentes do Contrato de Locação do Imóvel Macaé, bem como dos contratos de locação do Imóvel Araçatuba e do Imóvel Porto Velho, adquiridos pelo Fundo em setembro.

“Ao final da aquisição dos cinco imóveis, o TRXF11 passará a ter patrimônio imobiliário de R$ 1,840 bilhão, composto por 49 propriedades presentes em 33 cidades brasileira.”

Com a compra, os dividendos pagos pelo TRXF11 devem variar entre R$ 0,67 e R$ 0,73 por cota ao mês.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!