GS: Shopee cresce no Brasil e ameaça Mercado Livre (MELI34) e Magazine Luiza (MGLU3)

A Shopee está se tornando a plataforma de compras mais baixada entre os brasileiros, o que vem resultando em rápidos ganhos de participação no País. A empresa asiática avança cada vez mais forte em relação à concorrência que inclui o Mercado Livre (MELI34) e Magazine Luiza (MGLU3).

É o que demonstra o Goldman Sachs: em relatório, o banco espera que a Shopee permaneça relevante neste ano, enquanto constrói sua presença e oferta de serviços no Brasil. Os analistas estimam que em 2021 a empresa de Singapura deve ter alcançado uma participação de um dígito no mercado de comércio eletrônico do Brasil. A projeção é de que até 2025 essa participação pode aumentar para 20%.

“Para conseguir isso, acreditamos que o Shopee precisará desenvolver capacidades logísticas locais adicionais, bem como se basear em itens de marcas e ingressos mais altos”, explicou o relatório do Goldman Sachs.

Os downloads da Shopee são 2,5 vezes maiores do que os da Americanas (AMER3), o concorrente mais próximo, enquanto Magazine Luiza e Mercado Livre ficaram  em terceiro e quarto lugar respectivamente.

As últimas notícias sugerem que a Shopee está construindo seu primeiro centro de distribuição no Brasil, na região metropolitana de São Paulo. O tempo de envio tende a ficar entre cinco a 25 dias para pedidos de vendedores locais, o que se compara ao período de dois dias para cerca 75% dos pedidos do Mercado Livre.

“Por enquanto, acreditamos que os generosos benefícios de frete grátis e as diferenças de preço compensam os período de envio mais longos.”

Em julho do ano passado, a Shopee incluiu lojas oficiais em sua plataforma, como P&G, Unilever, Danone, Nestlé e Mondelez, com o objetivo de obter os melhores insights do consumidor. Mas essa lista fica ainda muito atrás de outras plataformas, por exemplo: o Mercado Livre tem lojas oficiais das marcas Apple, Samsung, Whirlpool, Electrolux, Adidas, Nike, MyShoes e Havaianas.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO