Resultado do HCTR11 sobe 47% em novembro

O fundo imobiliário HCTR11 reportou um resultado de R$ 40 milhões no mês de novembro, quantia 47% maior que a registrada em outubro, que foi de 27,1 milhões.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

Além de uma leve redução nas despesas, que passaram de R$ 3,76 milhões em outubro para R$ 3,38 milhões em novembro, as receitas do fundo imobiliário HCTR11 saltaram de R$ 30,88 milhões para R$ 43,4 milhões nesse mesmo período.

Referente ao mês de novembro, o fundo vai pagar na próxima quarta-feira (14) o valor de R$ 1,10 por cota em dividendos, quantia que se repete pelo quarto mês seguido.

Considerando esse próximo pagamento, os dividendos do HCTR11 somam R$ 16,67 por cota em 2022, número 24,54% menor que no ano passado, levando em conta os onze primeiros meses de cada ano.

Nos últimos 12 meses, os rendimentos do HCTR11 totalizam R$ 16,67 por cota, perfazendo um dividend yield de 16,84% ao ano.

Na última sexta-feira (9), as cotas do Hectare CE encerraram a sessão negociadas a R$ 99,00, uma desvalorização de 17% em 12 meses, totalizando um valor de mercado de R$ 2,186 bilhões.

Já o patrimônio líquido do FII é de R$ 2,684 bilhões, o que corresponde a R$ 121,56 por cota. Assim, o preço sobre valor patrimonial (P/VP) do fundo é de 0,81, mostrando que as cotas do HCTR11 estão sendo negociadas com 19% de desconto.

Destaques do HCTR11 em novembro

No mês de novembro de 2022, o FII HCTR11 teve dois importantes marcos. Um deles foi a conclusão da venda do CONE G04, e o outro foi a reavaliação anual dos imóveis de sua carteira.

A gestão destacou que a venda do CONE G04 foi um importante marco para o fundo por ser a primeira vez que o HCTR11 completou todas as fases de um desenvolvimento imobiliário, incluindo:

  • Aquisição do terreno;
  • Idealização e aprovação do projeto;
  • Orçamento e execução da obra;
  • Locação do imóvel;
  • Venda do imóvel.

O processo se iniciou em novembro de 2020 totalizando um período de investimento total de 24 meses e uma taxa interna de retorno (TIR) de cerca de 44,6% ao ano.

A operação teve um investimento total de cerca de R$ 71,6 milhões por parte do fundo HCTR11, equivalente a uma exposição do patrimônio atual do FII de 2,1% sobre o patrimônio líquido.

A operação gerará um lucro total de R$ 31,8 milhões, o que frente ao resultado dos últimos 12 meses representaria 8,6%.

A reavaliação anual dos imóveis do fundo resultou em um aumento de 8,45% (frente a 6,47% do IPCA anual, 6,51% do IGPM anual) no valor contábil dos ativos e 5,17% no valor patrimonial da cota do fundo, com base na carteira de fechamento de novembro de 2022.

Dessa forma, considerando somente os imóveis do HCTR11, o valor patrimonial por m² resulta em aproximadamente R$ 2.970 reais por metro quadrado.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

Tags
João Vitor Jacintho

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno