Petrobras (PETR4) corta preço do diesel a R$ 3,78 para distribuidoras

A Petrobras (PETR4) fará mais um corte no preço do diesel A. A partir desta sexta-feira (8), o litro do combustível passará por um desconto de R$ 0,27, sendo vendido às distribuidoras por R$ 3,78 por litro.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

Segundo o anúncio da Petrobras (PETR4) nesta quinta-feira (7), “o ajuste é resultado da análise dos fundamentos dos mercados externo e interno frente à estratégia comercial da Petrobras, implementada em maio de 2023”.

Desde maio deste ano, a petroleira estatal fez alterações em sua política de preços, deixando de avaliar a exclusivamente a paridade com o preço internacional. A última mudança no preço do diesel pela Petrobras (PETR4) havia acontecido em outubro, quando o preço foi elevado em R$ 0,25.

Pressão do governo recai sobre preço do diesel na Petrobras (PETR4)

A alteração da estatal no preço do diesel acontece seguida de fortes pressões governamentais para que a Petrobras (PETR4) baixasse os combustíveis. A justificava é que o preço do petróleo está em queda no exterior.

Nesta quinta-feira (7) por volta das 13h, o barril de petróleo e seus índices relacionados patinavam com uma variação de -0,07%, negociado a US$ 74,25

Apesar do corte, os consumidores vão notar que o custo do diesel A em postos não será reduzido na mesma proporção, visto que ainda deverão incidir impostos e lucro das distribuidoras.

De acordo com as estimativas da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o preço médio deve cair R$ 5,92, levando em conta a mistura obrigatória de 88% de diesel A e 12% de biodiesel para a composição do diesel.

Segundo um levantamento da ANP, o preço médio do diesel era de R$ 6,16 por litro (para a semana de 26/11 a 02/12).

No ano, a Petrobras informou que a queda acumulada no preço do combustível às distribuidoras soma R$ 0,71 por litro, equivalente a 15,8%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Gasolina mantém preço

A Petrobras (PETR4) ressaltou que, mesmo com pressões externas, não irá mudar o preço da gasolina.

O último reajuste no preço do combustível aconteceu em outubro, com uma redução de R$ 0,12 por livro. No acumulado anual, a gasolina A da Petrobras teve uma queda de 8,7%, com um corte de R$ 0,27.

Assim como a gasolina, o preço do GLP também permanece estável, desde 1º de julho deste ano. No acumulado do ano, o preço do gás de cozinha para distirbuidoras acumula uma retração de 24,7%, um desconto de R$ 10,40 por botijçao de 13 Kg.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Camila Paim

Compartilhe sua opinião