AGENDA

Petrobras (PETR4) fecha contrato para venda de empresas de energia elétrica

Petrobras (PETR4) fecha contrato para venda de empresas de energia elétrica
Fachada da Petrobras. Foto: Divulgação

A Petrobras (PETR4) assinou nesta quinta-feira (29) contratos para a venda de suas participações de 20% na Termelétrica Potiguar (TEP) e de 40% na Companhia Energética Manauara (CEM) para a Global Participações Energia (GPE), por meio de suas subsidiárias GFT Participações e GFM Participações, respectivamente.

De acordo com fato relevante divulgado pela Petrobras, o valor total das transações é de R$ 160,3 milhões, sendo R$ 81,3 milhões pela TEP e R$ 79 milhões pela CEM, a serem pagos no fechamento das transações, sujeitos aos ajustes previstos nos contratos.

As operações estão sujeitas ao cumprimento de condições precedentes, tais como a aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

“Essa operação está alinhada à estratégia de otimização do portfólio e à melhora de alocação do capital da companhia, visando à maximização de valor”, informou a Petrobras.

Petrobras: STF anula decisão trabalhista de R$ 46 bilhões

O Supremo Tribunal Federal (STF) anulou uma condenação trabalhista imposta à Petrobras em 2018, na ordem de R$ 46 bilhões. O ministro Alexandre de Moraes deu provimento ao recurso da petroleira.

A decisão contrária à Petrobras havia sido tomada pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), determinando que a estatal corrigisse os salários de 51 mil colaboradores, entre aposentados e ativos. A informação foi confirmada pela empresa na noite da última quarta-feira (28).

À época, a companhia estimou um impacto de R$ 17 bilhões. Já no primeiro trimestre deste ano, a provisão estava em R$ 46 bilhões, uma elevação de 170%. A Federação Única dos Petroleiros (FUP) recorrerá da decisão do STF.

O posicionamento do STF reitera o entendimento de instâncias inferiores que haviam ficado ao lado da Petrobras. Os adionais legais e constitucionais destinados a remunerar condições especiais de trabalho, segundo essas decisões, deveriam contemplar o cálculo de complemento da política salarial.

Cotação da Petrobras

As ações preferenciais da Petrobras fecharam o pregão desta quinta-feira em alta de 0,36%, aos R$ 27,81.

Rafaela La Regina

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!