Nubank (ROXO34) amplia portfólio de produtos com renda fixa

O Nubank (ROXO34) divulgou uma nova ampliação no seu portfólio de produtos de investimentos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

Conforme comunicado pela fintech, de forma gradual, ao longo das próximas semanas os clientes do Nubank poderão acessar e negociar títulos LCI (Letras de Crédito Imobiliário) e LCA (Letras de Crédito Agrícola) diretamente no app.

Segundo o banco digital, a disponibilidade destes produtos de renda fixa no Nubank se soma a outras alternativas na prateleira, como CDBs, Tesouro Direto e os fundos da família Nu Reserva (Imediata e Planejada).

São várias opções de LCIs e LCAs com diferentes prazos e rendimentos – na experiência de investimentos do Nubank, o investidor interessado é apresentado a pelo menos três destaques, com curadoria ativa.

“Com uma base crescente de investidores, seguimos diversificando as opções de produtos de investimentos para atender aos mais diversos perfis no app do Nubank. No caso dos LCIs e LCAs, a principal característica está na previsibilidade do rendimento, além da isenção de Imposto de Renda sobre os rendimentos”, afirma Guilherme Espallargas, líder da área de investimentos do Nubank.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-2-1.png

Nubank permitirá saque de moedas digitais e ofertará stablecoin

Recentemente, ainda em dezembro, o banco estabeleceu uma parceria com a Circle para disponibilizar a stablecoin USD Coin (USDC), uma criptomoeda vinculada ao valor do dólar, aos seus clientes.

Além disso, o banco permitirá que os clientes realizem saques das criptomoedas em suas contas para suas carteiras digitais ou enviem criptomoedas de suas wallets para o aplicativo do Nubank a partir do primeiro trimestre do próximo ano.

Thomaz Fortes, líder do Nubank Cripto, afirmou que a negociação da USDC será gradualmente liberada para os clientes a partir de hoje.

A escolha pela stablecoin da Circle, em vez da líder de mercado, Tether (USDT), foi baseada em uma questão de confiança. Fortes explicou: “Gostamos da estrutura e do nível de segurança da USDC, que possui todas as suas reservas em dólar”.

Ele destacou que as stablecoins oferecem diversos casos de uso interessantes para os clientes, como acesso facilitado ao dólar e proteção contra a inflação.

A adição desses recursos – negociação de stablecoin e saque de criptomoedas para carteiras externas – faz parte da estratégia do Nubank para proporcionar “acesso seguro” ao universo das finanças descentralizadas (DeFi) aos seus clientes.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop.jpg

Eduardo Vargas

Compartilhe sua opinião