Neon recebe aporte de US$ 300 mi liderado por General Atlantic

Neon recebe aporte de US$ 300 mi liderado por General Atlantic
Neon Pagamentos

A fintech brasileira Neon Pagamentos anunciou na última quarta-feira (3) que recebeu um aporte de US$ 300 milhões (cerca de R$ 1,6 bilhão na cotação atual do dólar) em uma rodada de investimentos liderada pela General Atlantic.

lead suno imagem ilustrativa

Receba as principais notícias do mercado diariamente.

Receba Grátis conteúdo exclusivo sobre Poupança, Ações, Economia e muito mais!

Parabéns! Cadastro feito com sucesso.

Ops! Algo deu errado. Tente novamente.

lead suno background

A rodada ainda teve a participação da BlackRock, Vulcan Capital, PayPal Ventures e Endeavor Catalyst, além de Monashees e Flourish Ventures, investidores de rodadas anteriores. O BBVA também integrou a rodada de aporte na Neon Pagamentos através da Propel Venture Partners.

Esta foi a terceira rodada e maior rodada de de captação da fintech, que levantou R$ 72 milhões de reais na série A, no ano de 2018, com investimentos de Propel Venture Partners, Monashees, Quona Capital e Flourish Ventures. Em relação ao ano passado, a empresa captou mais R$ 400 milhões em rodada liderada por General Atlantic e Banco Votorantim.

Suno One: o primeiro passo para alcançar a sua independência financeira. Acesse agora, é gratuito!

A Neon comunicou que utilizará os recursos levantados com a nova rodada para ampliar a oferta de crédito, lançar novos produtos para pessoas físicas e empresas e aumentar contratações de profissionais.

Neon registra prejuízo de R$ 41,636 mi em 2018

A empresa reportou um prejuízo de R$ 105,3 milhões no ano passado, resultado 153% superior ao prejuízo registrado no ano imediatamente anterior.

A companhia informou que o crescimento do mercado permitiu o aumento das vendas em quase cinco vezes, impactando sua receita líquida operacional positivamente, que cresceu 387,8%, de R$ 4,9 milhões, em 2018, para R$ 23,9 milhões em 2019.

As despesas com vendas também registraram alta, passando de R$ 9,6 milhões para R$ 56,1 milhões de 2018 para no ano passado. O volume de transações realizadas pela empresa subiu 458%, chegando a 41,2 milhões.

A Neon ainda salientou que a pandemia irá fortalecer os meios e negócios digitais. “Por isso, prevemos continuar a crescer de forma acelerada e ao longo deste ano faremos a ampliação da oferta de crédito, bem como o lançamento de novos produtos”, comunicou a fintech.

Arthur Guimarães

Compartilhe sua opinião

Comece 2022 investindo nos melhores Fundos Imobiliários

Baixar agora!