Lojas Quero-Quero (LJQQ3) registra alta de 125,6% no lucro no 3T20

A Lojas Quero-Quero (LJQQ3) divulgou nesta quarta-feira (11) os resultados do terceiro trimestre de 2020.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-2-1.png

A Lojas Quero-Quero registrou um lucro líquido de R$ 30,1 milhões, em alta de 125,6% em relação aos R$ 13,3 milhões registrados no mesmo período do ano passado.

Por sua vez, a receita operacional líquida ficou em R$ 455,2 milhões, em alta de 30,5% em relação ao mesmo período do ano passado, quando tinha sido de R$ 348,8 milhões.

O Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado foi de R$ 58,7 milhões no trimestre, em alta de 63% em relação ao mesmo período do ano passado, quando tinha sido de R$ 36,1 milhões.

Por sua vez, a margem Ebitda ajustada ficou em 12,9% no período entre julho e setembro, 2,6 pontos percentuais a mais do que o resultado do mesmo período do ano passado, quando tinha sido de 10,3%.

As despesas operacionais totalizaram R$136,4 milhões no trimestre, crescendo 30,1% na comparação ano a ano. Nos primeiros nove meses do ano, as despesas operacionais foram de R$363,0 milhões, crescimento de 21,4% na comparação anual.

Lojas Quero-Quero registra aumento das vendas

Segundo a empresa, o crescimento da receita foi “impulsionado por um crescimento de 46,4% da atividade de varejo”.

“O desempenho de vendas se mostrou muito superior aos níveis verificados pré-pandemia, com crescimento de 46,4% na receita (RBLD) da atividade de Varejo, sendo que o crescimento de vendas mesmas lojas (Same Store Sales – SSS) foi de 35,4%, em um nível consistente ao longo do trimestre”, explicou a Lojas Quero-Quero no documento de divulgação dos resultados trimestrais.

A empresa salientou como no terceiro trimestre do ano foram inauguradas 16 novas lojas nos três estados do Sul do Brasil, chegando assim à marca de 33 lojas inauguradas em 2020 e totalizando 378 lojas ao final de setembro.

“Conseguimos retomar o ritmo de expansão que consideramos adequado, que havia sido impactado entre o primeiro e o segundo trimestre pela pandemia”, explicou a Lojas Quero-Quero..

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

Carlo Cauti

Compartilhe sua opinião