Grana na conta

Imposto de Renda tem último lote de restituição aberto para consulta

A Receita Federal liberou na manhã desta segunda-feira (10) a consulta do sétimo lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF). Haverá também restituições residuais dos exercícios de 2008 e 2017.

O contribuinte que não apareceu em nenhum dos sete lotes regulares do Imposto de Renda está na malha fina do Leão. Clique aqui para realizar a consulta.

No total de R$ 319 milhões, o crédito bancário será liberado para 151.248 contribuintes no dia 17 de dezembro.

Há prioridade para pessoas com deficiência física ou mental, doença grave e aqueles cuja maior fonte de renda seja o magistério.

As declarações totalizaram 29.269.987 dentro do prazo legal neste ano. A expectativa inicial da Receita era de 28,8 milhões.

Malha Fina

Quando há inconsistências nas declarações do IRPF, tais declarações ficam retidas na “malha fina’, onde serão verificadas possíveis pendências e eventual correção dos erros. As restituições são pagas apenas após resolvidas as questões.

Neste ano, foram 628 mil inconsistências que ficaram na malha final.

No próprio site da Receita Federal o contribuinte pode fazer a consulta para verificar se seus dados constam na malha fina. Basta acessar o extrato do IR no portal e-CAC (Centro Virtual de Atendimento), que aparece na tela inicial em fundo azul.

Após a abertura da nova tela, basta inserir dados pessoais como CPF, data de nascimento e o código de acesso gerado na própria página da Receita, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.

Assim que o indivíduo checar as inconsistências, ele poderá enviar uma declaração retificadora.

Finalizado o processo, o contribuinte sairá da malha fina e receberá a restituição na inclusão dos lotes residuais do Imposto de Renda, caso tenha direito.

Amanda Gushiken

Compartilhe sua opinião