Irã: Presidente Ebrahim Raisi morre em acidente de helicóptero, diz TV estatal

Ebrahim Raisi, o presidente do Irã, morreu após a queda do helicóptero que o transportava. A aeronave sobrevoava região montanhosa de Varzaqan, no noroeste do país.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/06/Lead-Magnet-1420x240-3.png

A informação da morte de Ebrahim Raisi foi confirmada pela agência de notícias oficial iraniana, Irna.

Também estavam no helicóptero junto ao presidente do Irã e morreram no acidente outros políticos do alto escalão do governo iraniano.

Entre eles, o ministro das Relações Exteriores, Hossein Amirabdollahian, o governador da província do Azarbaijão Oriental, Malek Rahmati, e Mehdi Mousavi, chefe da equipe de guarda-costas de Raisi e o representante do líder supremo do Irã na província, Mohammad Ali Al-e-Hashem.

Após a confirmação, o líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, nomeou o vice-presidente Mohammad Mokhber como chefe do Executivo.

Também foi decretado cinco dias de luto pela morte do presidente.

Agora, o Irã terá até 50 dias para planejar a próxima eleição presidencial a fim de escolher o sucessor de Raisi, informou a agência de notícias internacional Reuters.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Investindo-no-exterior.png

Acidente de helicóptero mata presidente do Irã, Ebrahim Raisi

Neste domingo (19), enquanto o presidente e sua comitiva retornavam do evento de inauguração de uma barragem, na fronteira entre o Irã e o Azerbaijão, foi informado que o helicóptero precisaria fazer um pouso forçado.

No momento, a equipe sobrevoava uma região tipicamente montanhosa e de difícil acesso.

Por horas, foi anunciado que a aeronave faria a aterrissagem.

A equipe de resgate logo em seguida procurava na regiãoo local exato do acidente, com dificuldades devido às condições de tempo e temperatura, com muito frio e neblina além da geografia do local.

Na manhã desta segunda-feira (20), destroços do helicóptero foram localizados e logo foi divulgado que não havia sinais de sobreviventes.

No cenário geopolítico, a morte de Raisi é uma perda para o aiatolá Ali Khamenei, que estabelecia uma aliança de longa data, no embate regional. A capital do Irã, Teerã, tem como objetivo estabelecer um domínio regional com milícias armadas, enfrentando os EUA e Israel.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Tags
Camila Paim

Compartilhe sua opinião