Grana na conta

Mercado mantém previsão para IPCA e taxa Selic em 2023; Confira mais projeções

A expectativa do mercado para a inflação oficial medida pelo IPCA e para o patamar dos juros, a taxa Selic, ambos deste ano, foi mantida nesta semana, segundo o Boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (6) pelo Banco Central.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/Lead-Magnet-1420x240-3.png

A projeção para a inflação oficial em 2023 seguiu em 4,63%. Um mês antes, a mediana era de 4,86%. Para 2024, foco da política monetária, a projeção piorou de 3,90% para 3,91%. Há um mês, era de 3,88%.

Considerando as 100 estimativas atualizadas nos últimos cinco dias úteis, a mediana para 2023 se manteve em 4,61%. Para 2024, por sua vez, a projeção de alta passou de 3,92% para 3,93%, considerando 100 atualizações no período.

Para 2025, que tem peso minoritário nas decisões do Copom, a projeção continuou em 3,50% pela 15ª semana consecutiva – o que evidencia a reancoragem parcial destacada pelo BC após a manutenção da meta de inflação em 3,0% para os próximos anos. No horizonte mais longo, de 2026, a estimativa seguiu em 3,50% pela 18ª semana seguida.

As estimativas do Boletim Focus continuam acima do centro das metas para a inflação. Para 2023, a mediana está abaixo do teto da meta (4,75%), evitando o estouro do objetivo a ser perseguido pelo BC pelo terceiro ano consecutivo, depois de 2021 e 2022. Nos outros anos, as expectativas estão dentro do intervalo e também superam o alvo central de 3,0%.

No Copom da semana passada, o BC divulgou projeção de 3,6% para o IPCA de 2024, acima dos 3,5% da reunião anterior. Para 2025, subiu de 3,1% para 3,2% no modelo. Para 2023, a projeção foi atualizada de 5,0% para 4,7%. O colegiado reduziu a taxa Selic pela terceira vez consecutiva em 0,50 pp, para 12,25% ao ano.

Taxa Selic e demais indicadores macroeconômicos

Para a taxa de juros, a Selic, o mercado manteve em 11,75% ao final deste ano. E para 2024, continua em 9,25% ao ano.

Paralelamente, ainda conforme o Focus desta semana, o mercado espera que o Produto Interno Bruno (PIB) termine 2023 com crescimento de 2,89 e alta de 1,50% em 2024.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/1420x240.jpg

No caso do dólar, o mercado financeiro manteve mais uma vez a previsão para 2023 em R$ 5,00. Para o ano que vem, a expectativa está em 5,05.

Resumo do Boletim Focus

Veja, em detalhes, as projeções mais importantes para 2023 e 2024:

2023

IPCA: permanece em 4,63%
PIB: permanece em 2,89%
Dólar: permanece em R$ 5,00
Taxa Selic: a previsão se manteve em 11,75% ao ano
Balança Comercial: a expectativa para o superávit subiu para US$ 75,30 bilhões
Investimento Estrangeiro Direto: a previsão caiu em US$ 70,00 bilhões
Dívida do Setor Público: a previsão teve ligeira alta para 60,61% do PIB

2024

IPCA: passou de 3,90% para 3,91%
PIB: a projeção se manteve em 1,50%
Dólar: a previsão do câmbio se manteve em R$ 5,05
Taxa Selic: permanece em 9,25% ao ano
Balança Comercial: a expectativa para o superávit subiu para US$ 62,25 bilhões
Investimento Estrangeiro Direto: a previsão caiu para US$ 74,62 bilhões
Dívida do Setor Público: a previsão teve ligeira queda para 63,65% do PIB


A seguir, é possível comparar as últimas projeções do Boletim Focus desde o mês de agosto:

O Boletim Focus é elaborado semanalmente pelo Banco Central. São utilizadas as projeções dos especialistas das 100 principais instituições ligadas ao mercado financeiro do Brasil para juros, IPCA, câmbio, taxa Selic e outros indicadores.

Com informações do Estadão Conteúdo

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião