IFIX cai 0,34%, RZTR11 sobe e XPPR11 recua; XPLG11 atinge menor vacância desde junho de 2020

O IFIX, principal índice de fundos imobiliários da Bolsa de Valores brasileira (B3), terminou a sessão de hoje (3) em queda de 0,34%, aos 2.811,73 pontos, após registrar a máxima de 2.824,56 pontos e a mínima de 2.811,73 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/06/Lead-Magnet-1420x240-3.png

A cotação do IFIX teve seu primeiro fechamento diário negativo após registrar seis sessões em alta.

No IFIX hoje, a maior alta foi do fundo RCRB11, com uma valorização de 3,46%. Assim como ele, outros fundos que também se destacaram de forma positiva na sessão de hoje foram HOFC11, HGFF11, RZTR11 e GTWR11.

Por outro lado, a maior queda foi do fundo imobiliário VSLH11, que recuou 4,91%. Os fundos DEVA11 e HCTR11 registraram quedas de mais de 3%. A queda desses fundos se deu após eles relatarem inadimplência de um título relacionado ao Shopping Feira da Madrugada.

Maiores altas do IFIX

As 5 maiores altas do IFIX hoje foram:

TickerPorcentagem
RCRB11+3,46%
HOFC11+2,65%
HGFF11+2,09%
RZTR11+1,63%
GTWR11+1,48%

Maiores quedas do IFIX

As 5 maiores quedas do IFIX hoje foram:

TickerPorcentagem
VSLH11-4,91%
DEVA11-3,63%
HCTR11-3,21%
QAGR11-2,35%
XPPR11-2,22%

XPLG11 celebra novo contrato de locação e atinge menor vacância desde junho de 2020

O fundo imobiliário XPLG11 celebrou um novo contrato de locação de imóvel urbano para fins não residencial com uma empresa do segmento de energia fotovoltaica, relativo ao galpão G500 do condomínio logístico XP LOG WT Cajamar.

O galpão objeto do contrato de locação do FII XPLG11 está localizado na cidade de Cajamar, Estado de São Paulo. Ele possui uma Área Bruta Locável (ABL) total de 12.905,60 m² e com prazo de vigência de 60 meses, contados a partir de 1º de março de 2023.

Com a assinatura desse contrato, a ocupação do imóvel saiu de 78% para 88%. A receita acumulada estimada do contrato, considerando a soma dos recebíveis relativos aos 24 primeiros meses de vigência, é de R$ 0,1357 por cota.

Assim, o fundo XPLG11 destaca que a partir do 25º mês a receita mensal decorrente do contrato, desconsiderando a correção inflacionária prevista no contrato, é estimada em R$ 0,0071 por cota.

Segundo a gestão do FII, esses cálculos foram feitos considerando a quantidade atual de cotas do fundo em circulação. Com esse novo contrato, a vacância física dos imóveis vai cair de 6,8% para 5,4%, sendo este o menor patamar desde junho de 2020.

Cotação do IFIX nesta sexta (3)

O IFIX encerrou a sessão desta sexta-feira (3) em alta de 0,37%, aos 2.821,35 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/12/Ebook-Acoes-Desktop.webp

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião