IFIX sobe, VINO11 dispara mais de 4%; BTLG11 anuncia projeção de dividendos

O IFIX, principal índice de fundos imobiliários da bolsa brasileira (B3), terminou a sessão de hoje (2) em alta de 0,08%, aos 2.810,98 pontos, depois de oscilar entre 2.819,52 e 2.808,70 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

A cotação do IFIX completa o quinto pregão consecutivo sem perdas, tendo como principal destaque de alta o fundo VINO11, que disparou 4,08%. Na tarde desta terça-feira (28), o FII anunciou seus dividendos para março, no valor de R$ 0,31 por cota.

Assim, os dividendos do VINO11 repetiram o mesmo patamar do mês anterior e representam o menor nível de rendimentos da história do fundo. Depois da divulgação, o fundo caiu 2,49% na sessão seguinte, mas se recuperou no dia de hoje.

Além do VINO11, outros fundos imobiliários que se destacaram de forma positiva nesta sessão foram MCCI11, HGFF11, XPSF11 e ARRI11.

Por outro lado, a maior queda veio com o fundo imobiliário XPPR11, com recuo de 3,79%. O FII dá continuidade a forte queda de ontem (1º), que ocorreu após divulgar o menor rendimento de sua história, no valor de R$ 0,10 por cota.

Assim como o XPPR11, outros fundos que se destacaram entre baixas nesta sessão foram CARE11, RZAT11, OUJP11 e JSRE11.

Maiores altas do IFIX

As 5 maiores altas do IFIX hoje foram:

TickerPorcentagem
VINO11+4,08%
MCCI11+2,75%
HGFF11+2,42%
XPSF11+1,72%
ARRI11+1,57%

Maiores quedas do IFIX

As 5 maiores quedas do IFIX hoje foram:

TickerPorcentagem
XPPR11-3,79%
CARE11-2,75%
RZAT11-2,64%
OUJP11-1,84%
JSRE11-1,77%

BTLG11 anuncia projeção de dividendos para os próximos meses

O fundo imobiliário BTLG11 anunciou um resultado de R$ 15,617 milhões, quantia ligeiramente inferior à quantia registrada em dezembro, que fora de R$ 15,65 milhões.

As receitas do FII BTLG11 em janeiro totalizaram R$ 19,93 milhões, enquanto as despesas foram de R$ 4,31 milhões. Assim, o saldo de resultados acumulados é de R$ 0,91 por cota.

Referente ao resultado de janeiro de 2023, o fundo BTLG11 distribuiu R$ 0,74 por cota aos seus investidores na forma de dividendos.

Baseado na cotação de fechamento do mês, a distribuição representa um dividend yield de 9,4% ao ano, conforme destacado no relatório do fundo.

Também foi anunciada a estimativa de distribuição de dividendos do BTLG11 para os próximos meses do 1° semestre de 2023, que está entre R$ 0,72 e R$ 0,78 por cota.

Em janeiro, o BTLG11 teve um crescimento pontual nas despesas de ativos do fundo, em razão da concentração de pagamentos de comissões de locação que foram fechadas ainda em 2022.

No mês de janeiro não ocorreram movimentações na carteira de locatários do fundo BTLG11. Assim, a vacância física se mantém em 2%. Com isso, ao final do mês o FII tinha 1 módulo disponível no ativo BTLG Ribeirão Preto e 1 nave no ativo BTLG Cabreúva.

Cotação do IFIX nesta quarta (1º)

O IFIX encerrou a sessão desta quarta-feira (1º) em leve alta de +0,01%, aos 2.808,70 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno