IFIX fecha perto da estbilidade; BCFF11 e VINO11 ficam entre as maiores quedas

O IFIX, índice de fundos imobiliários da Bolsa de Valores Brasileira (B3), fechou o dia em queda de 0,02%, próximo à estabilidade, aos 2.829 pontos. Os FIIs BCFF11 e VINO11 ficaram entre os principais destaques negativos do dia.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-2.png

A cotação do IFIX chegou a abrir o pregão em alta, atingindo a máxima de 2.834 pontos, mas reverteu para queda, chegando à mínima de 2.826 pontos. Esboçou recuperação ao longo do dia, mas fechou a sessão em baixa. Assim, o índice interrompeu uma sequência de 14 altas diárias seguidas.

A performance do IFIX terminou o dia em linha com o mercado ações – o Ibovespa encerrou o pregão com uma desvalorização de 0,82%.

Um dos fundos imobiliários que impulsionaram a queda do IFIX foi o BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11), com baixa de 2,04%, ficando na segunda colocação das maioresbaixas do dia. O primeiro colocado foi o Brazilian Graveyard and Death Care Services (CARE11), que caiu 2,94%.

Na ponta positiva, o FII CSHG Imobiliário FOF (HGFF11) se destacou, com valorização de 1,86%. Na segunda colocação ficou o Santander Renda de Aluguéis (SARE11), com alta de 1,77%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/Lead-Magnet-1420x240-1.png

O desempenho do IFIX no mês está em crescimento de 0,31%, o que resultaria no 4º mês consecutivo de valorização, caso termine o período em alta.

Veja quais foram os fundos imobiliários com maiores altas e baixas na sessão de hoje (6):

Maiores altas do IFIX

Maiores baixas do IFIX

O valor do IFIX mede o desempenho médio dos fundos imobiliários listados na Bolsa de Valores (B3).

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Relatório Focus: mercado projeta inflação de 8,89% em 2022

O Banco Central anunciou ao mercado nesta segunda-feira (6) um boletim do Relatório Focus, em que estima a inflação de 8,89% no ano de 2022, aumentando 1,00 ponto percentual em relação à última divulgação. Além disso, a projeção para o ano de 2023 é de 4,39%, crescimento de 0,29 ponto percentual na comparação com o último anúncio, do dia 2 de maio.

Um dos fatores que vem impactando o Boletim Focus nos últimos tempos é a greve dos servidores do Banco Central, que estão solicitando um reajuste de salário de 27%. Importante destacar no último relatório, no início de maio, a inflação estimada para o ano de 2022 era de 7,89% para esse ano e 4,10% no ano de 2023.

A estimativa das instituições financeiras para a taxa básica de juros ao final de 2022 é de 13,25%, enquanto para o ano que vem é de 9,75%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

RB Capital Desenvolvimento Residencial (RBIR11) conclui compra de terreno que visa Projeto Moema

Além do IFIX e da projeção de inflação para 2022, outro destaque do dia foi o fundo imobiliário RB Capital Desenvolvimento Residencial (RBIR11), que concluiu a compra de terreno para o Projeto Moema, conforme anúncio feito nesta sexta-feira (3).

O Projeto Moama será realizado na zona sul de São Paulo (SP), em parceria com a One DI Incorporadora. O projeto RBIR11 pretende trabalhar na construção de um empreendimento residencial. A composição do ativo terá 363 unidades, o que inclui lojas, studios e apartamentos.

O RBIR11 pagou cerca de R$ 19 milhões pelo terreno, que possui aproximadamente 10 mil metros quadrados de área privativa, segundo informou a gestão do RB Capital Desenvolvimento Residencial. Além disso, há uma estimativa sobre o valor geral de vendas (VGV) do Projeto Moema de R$ 135 milhões, conforme divulgado ao mercado.

O fundo RBIR11 não faz parte do IFIX, e tinha até o final de março de 2022 um patrimônio líquido do fundo de R$ 147.306.742,1.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Redação Suno Notícias

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno