Balanços da semana

Ibovespa cai 1,16% com tombo da Petrobras (PETR4); Vale (VALE3) recua com Lula e Pão de Açúcar (PCAR3) dispara quase 12%

O Ibovespa terminou o pregão desta quarta-feira (28) com uma baixa de 1,16%, aos 130.155,43 pontos. A máxima diária foi de 131.684,56 pontos, já a mínima foi de 129.770,76 pontos. Enquanto isso, o volume de negociação de hoje foi de R$ 24,3 bilhões.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-1.png

Assim como o Ibovespa, as Bolsas de Valores de Nova York também fecharam no campo negativo, embora mais próximas da estabilidade.

  • Dow Jones: -0,06%, aos 38.949,02 pontos
  • S&P 500: -0,17%, aos 5.069,76 pontos
  • Nasdaq: -0,55%, aos 15.947,74 pontos

Segundo Leandro Petrokas, diretor de research, no entanto, a queda Ibovespa hoje não está 100% atrelada ao recuo do mercado em NY. (28).

“Parte da queda de hoje do Ibovespa, na minha visão, é um movimento de realização de lucros da alta de ontem, quando o IBOV subiu 1,61%”, destaca o especialista.

Um dos principais destaques negativos do Ibovespa hoje foram as ações da Petrobras (PETR4), que chegaram a cair mais de 6% neste pregão.

As ações da Petrobras tombaram depois do presidente da companhia, Jean Paul Prates, dizer que a empresa deve ter mais cautela sobre o pagamento de seus dividendos, visto que está procurando migrar para a energia verde. Com isso, a petroleira está negociando a refinaria de Mataripe com a Mubadala. O comentário de Prates acabou não agradando os investidores, que estão à espera do pagamento de dividendos extraordinários.

“Historicamente, a Petrobras não possui um bom track record de aquisições de unidades ou empresas (vide Braskem / Refinaria de Pasadena) bem como, a eventual mudança na política de dividendos apresenta um risco adicional ao case, que nos últimos anos foi um dos maiores pagadores de dividendos do mundo”, destaca Petrokas.

A Vale, por sua vez, recuou 1,10% a R$ 66,74. Ainda que o minério de ferro tenha fechado em alta nesta madrugada na China, os investidores repercutiram a fala do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, de que “a Vale não pode pensar que é dona do Brasil.”

Outros destaques do Ibovespa hoje

Outra ação que caiu hoje foi a IRB Brasil (IRBR3), após a companhia divulgar resultados de forma antecipada para a Susep referente ao 4 trimestre de 2023, cujos números não agradaram o mercado, principalmente com a queda na receita com resseguros.

Assaí (ASAI3) também fechou no negativo hoje, e Petrokas. acredita que a reestruturação do grupo Casino pode ter influenciado no preço do papel.

Entre as altas do Ibovespa hoje estiveram as ações do grupo Pão de Açúcar (PCAR3), em movimento de continuidade da alta iniciada ontem (27), após a notícia de reestruturação do grupo Casino e vendas de postos de gasolina. Com essa reestruturação, o grupo Casino pode ter sua participação diminuída de forma drástica, sobretudo depois do follow on, que está previsto para acontecer ainda para 2024.

“Também acredito em um possível short squeeze. Dados da plataforma Quantzed apontam que 25,6% do free float está alugado. Com a alta do papel, quem está apostando contra o ativo, vendendo a descoberto, se vê forçado a diminuir ou zerar posições vendidas para reduzir perdas”, explica Petrokas.

Já a BRF (BRFS3) sobe em “resposta” ao anúncio de resultados do 4º trimestre de 2023, que ocorreu no dia 26 de fevereiro. Na ocasião, a companhia reverteu prejuízo em lucro, diminuiu a sua alavancagem e teve melhor margem nas operações local e internacional. A Marfrig (MRFG3) sobe com a BRF, já que a empresa possui 50,06% do capital da BRF.

Maiores altas do Ibovespa hoje

  • Pão de Açúcar (PCAR3): +11,93%
  • Embraer (EMBR3): +2,09%
  • São Martinho (SMTO3): +1,60%
  • Casas Bahia (BHIA3): +1,37%
  • Marfrig (MRFG3): +1,17%

Maiores quedas do Ibovespa hoje

  • IRB Brasil (IRBR3): -5,45%
  • Petrobras ON (PETR3): -5,39%
  • Petrobras PN (PETR4): -5,16%
  • Assaí (ASAI3): -4,76%
  • Vamos (VAMO3): -4,36%

Último fechamento do Ibovespa

O Ibovespa terminou o pregão de ontem (27) com uma valorização de 1,61%, aos 131.689,37 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

João Vitor Jacintho

Compartilhe sua opinião