Mercado

Ibovespa cai com mau humor global em mais um dia de recuo da Vale (VALE3) e bancos; Petrobras (PETR4) sobe e Braskem (BRKM5) dispara

Fechamento do Dia
Guilherme Serrano Silva
por Guilherme Serrano Silva

O Ibovespa fechou o pregão de hoje (06) em queda de 1,15%, aos 115.985,34 pontos, próximo à mínima de 115.983,53. Na máxima, o índice tocou os 117.970,71 pontos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

O Ibovespa fechou o intervalo que antecede o feriado de 7 de setembro acumulando três perdas na semana. Na semana, o Ibovespa cede até aqui 1,62%, limitando o ganho do mês a 0,21%, após uma abertura de setembro promissora, em alta de 1,86% na última sexta-feira. No ano, o índice da B3 sobe 5,70%.

A sessão do Ibovespa hoje foi marcada pela aversão ao risco vinda principalmente dos Estados Unidos. O mercado por aqui abriu em alta, mas virou ainda pela manhã com o mau humor de Nova York, que passou a precificar uma manutenção dos juros altos por mais tempo, após o PMI de serviços nos EUA na métrica mensal do Instituto para Gestão da Oferta (ISM, na sigla em inglês), referente a agosto, ter atingido o maior nível desde fevereiro – com números acima do consenso.

Destaque da agenda da tarde, o Livro Bege, sumário compilado pelo Federal Reserve sobre as condições econômicas nas unidades regionais, mostrou que a atividade no país teve crescimento apenas modesto na maior parte dos distritos, em julho e agosto. O crescimento do emprego, em ambos os meses, também foi moderado, aponta o documento.

No cenário doméstico, a divulgação do IGP-DI, que subiu 0,05% em agosto ante julho, interrompendo uma sequência de cinco meses seguidos de deflação, chamou atenção dos investidores.

No plano internacional, o petróleo operando em alta durante toda a sessão também deu munição à tese de que os bancos centrais ao redor do mundo ainda devem seguir adotando uma postura de aperto monetário.

De acordo com relato da agência saudita de imprensa, o príncipe herdeiro e primeiro-ministro da Arábia Saudita, Mohammad bin Salman, conversou nesta quarta por telefone com o presidente russo, Vladimir Putin, no dia seguinte aos dois países terem confirmado redução conjunta na oferta de petróleo. Na ligação, segundo a nota, os líderes mostraram satisfação e concordância com o esforço para estabilizar os mercados globais de energia. E, na mesma ligação, foram enfatizados esforços adicionais nesse sentido.

Na máxima desta quarta-feira, o contrato do Brent para novembro foi negociado a US$ 91 por barril, na ICE, em Londres – no fechamento, mostrava alta de 0,62% na sessão, a US$ 90,60. A commodity fechou no maior patamar desde novembro de 2022. Nos Estados Unidos, os treasury yields de dois anos, o vencimento mais curto, registraram alta, amargando o desempenho dos índices por lá.

A commodity fechou no maior patamar desde novembro de 2022.

Para além do petróleo, contudo, o dia foi de aversão a risco teve investidores globais ainda monitorando de perto os dados de atividade nos Estados Unidos, passo a passo, de forma a antecipar o que o Federal Reserve poderá fazer ainda com relação à taxa de juros de referência. Assim, na máxima desta quarta, os rendimentos dos Treasuries de 10 anos foram a 4,30%.

Nos Estados Unidos, os treasury yields de dois anos, o vencimento mais curto, registraram alta, amargando o desempenho dos índices por lá.

Com esse quadro, as bolsas em Nova York mostraram cautela e refletiram pessimismo.

– Dow Jones: -0,57% a 34.444,38 pontos
– SP&500: -0,69% a 4.465,61 pontos
– Nasdaq: -1,06% a 13.872,47 pontos

Nesse cenário de aversão ao risco, o dólar à vista fechou em alta de 0,17% a R$4,9837, após oscilar entre R$ 4,9547 e R$ 4,9947.

“Contaminação com o cenário negativo do exterior”

“O principal fator de queda do Ibovespa hoje é a contaminação com o cenário negativo do exterior, principalmente pela incerteza em relação aos juros nos EUA. No Brasil, o principal impacto na curva de juros foi a divulgação do IGP-DI, que faz os vencimentos futuros curtos caírem e os longos subirem”, afirma Caio Canez de Castro, sócio da GT Capital.

“Juros mais altos por mais tempo do que se esperava preocupam o mercado, globalmente. Aqui, o limite imposto aos juros do crédito rotativo, com a aprovação do Desenrola, afeta as ações de grandes bancos, em baixa na sessão. Além disso, a incerteza fiscal doméstica, e dados de atividade ainda fortes nos Estados Unidos, explicam o desconforto dos investidores hoje”, diz Felipe Leão, especialista da Valor Investimentos. Ele destaca, por outro lado, o “rali do petróleo”, que contribuiu para que Petrobras desse alguma sustentação ao Ibovespa, apesar da perda dos 116 mil pontos no fechamento, em dia bem negativo para os ativos de risco.

O destaque positivo ficou com a Braskem (BRKM5), que liderou as altas com +5,66%, a R$ 23,91, após anúncio de uma nova emissão de bonds que pode captar até US$ 1 bi. A segunda maior alta foi de Eneva (ENV3), com +1,61%, a R$ 11,97, após o Itaú BBA ter elevado para compra a recomendação dos papéis da companhia. Yduqs (YDUQ3), também com +1,61%, fechou o top 3 dos maiores ganhos do Ibovespa. 

Na ponta negativa, Vamos (VAMO3) liderou as quedas, com -6,58%, após o JP Morgan rebaixar a recomendação para as ações da companhia de compra para neutra. Já a CVC (CVCB3), cujas ações haviam se beneficiado da crise na rival 123milhas, devolveu os ganhos das últimas sessões, com queda de 5,35%. O IRB (IRBR3), destaque positivo na segunda-feira, devolveu ganhos e completou o pódio das quedas de hoje com -4,44%.

“Os principais destaques de hoje ficaram com fatores micro que influenciaram ações específicas. Vamos, por exemplo, com o corte de recomendação do JP Morgan, e CVC, que acabou perdendo a corrida para as demais operadoras após a crise da 123milhas e ficou com apenas 20% da demanda”, completa Caio Canez de Castro.

Entre os papéis de maior peso, a Petrobras ON (PETR3) teve alta de 0,76% a R$ 37,10, e Petrobras PN (PETR4) avançou 0,72% a R$ 33,61, em linha com o dia positivo para o petróleo. Já a Vale (VALE3) teve mais um dia de queda, com -1,56% a R$ 68, assim como suas pares CSN (CSNA3), -1,78% a R$ 12,17 e Gerdau (GGBR4), -1,55% a R$ 25,39. A exceção ficou com a Usiminas (USIM5), com +0,29% a R$ 6,92.

No setor bancário, as baixas também predominaram: Itaú (ITUB4), -0,96% a R$ 23,76; Bradesco (BBDC4), -1,39% a R$ 12,80; Banco do Brasil (BBAS3), -0,68% a R$ 47,78 e Santander (SANB11), -0,74% a R$ 26,70.

Com Estadão Conteúdo

Últimas atualizações
  atualização
06.09.2023 17:06

Dólar à vista fecha em alta de 0,17%, a R$4,9837

06.09.2023 17:05

Índices nos Estados Unidos fecham a sessão em queda

  • Dow Jones cai 0,57% (34.444,38 pontos)
  • S&P500 recua 0,69% (4.465,61 pontos)
  • Nasdaq perde 1,06% (13.872,47 pontos)
06.09.2023 17:00

Ibovespa fecha em queda preliminar de 1,06%, aos 116.085,26 pontos

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 16:37

Juros futuros curtos fecham em queda; contratos longos avançam

  • DI com vencimento em jan/2024: -0,5 ponto-base a 12,37%
  • DI com vencimento em jan/2025: -1 ponto-base a 10,60%
  • DI com vencimento em jan/2027: +3,5 pontos-base a 10,50%
  • DI com vencimento em jan/2031: +5 pontos-base a 11,29%
06.09.2023 16:20

Ibovespa amplia queda para 1,06% a 116.133 pontos: veja altas e baixas

Altas:

Braskem (BRKM5): +5,44% a R$23,87
Cogna (COGN3): +1,40% a R$2,91
Yduqs (YDUQ3): +1,17% a R$20,21

Baixas:

Vamos (VAMO3): -6,93% a R$10,75
CVC (CVCB3): -4,94% a R$2,32
Irb (IRBR3): -4,69% a R$41,23

06.09.2023 16:02

Ibovespa cai 0,96% e renova mínima do dia a 116.203 pontos

06.09.2023 15:50

Dólar à vista avança 0,30% a R$4,9831; dólar futuro sobe 0,35% a R$5,002

06.09.2023 15:47

Bancos operam no vermelho: confira as principais cotações

  • Bradesco (BBDC4): -1,30% a R$14,39
  • Itaú (ITUB4): -1,00% a R$26,73
  • Santander (SANB11): -0,78% a R$26,69
  • Banco do Brasil (BBAS3): -0,25% a R$46,98
06.09.2023 15:44

Índices dos Estados Unidos arrefecem queda após divulgação do Livro Bege

  • Dow Jones: -0,53%, a 34.458 pontos
  • S&P500: -0,74%, a 4.463 pontos
  • Nasdaq: -1,15%, a 12.859 pontos

    https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 15:28

Ibovespa cai 0,78% a 116.418 pontos: veja maiores altas e baixas

Altas:

Braskem (BRKM5): +4,86% a R$23,73
Cogna (COGN3): +2,10% a R$2,93
Eneva (ENEV3): +1,95% a R$12,01

Baixas:

Vamos (VAMO3): -6,39% a R$10,77
CVC (CVCB3): -4,94% a R$2,31
Arezzo (ARZZ3): -3,94% a R$68,94

06.09.2023 15:10

Federal Reserve divulga Livro Bege: confira destaques

O Banco Central americano divulgou nesta tarde o Livro Bege, documento que reúne algumas das principais percepções econômicas da autarquia.

Nesta edição do Livro Bege, o Fed afirma que a atividade econômica avançou em ritmo modesto. De acordo com a autarquia, a maioria dos distritos reportou desaceleração de preços e no setor de bens de consumo, além de terem citado um potencial esgotamento da poupança, com consumidores mais dependentes de empréstimos.

Outros pontos destacados no documento foram a percepção de que o crescimento dos postos de trabalho foi moderado nos Estados Unidos e que quase todos os distritos apostam em um abrandamento da pressão salarial.

06.09.2023 14:55

Dólar comercial opera em leve queda de 0,04%, a R$ 4,973 na compra e a R$ 4,974 na venda

06.09.2023 14:42

Índices em Nova York seguem no vermelho, contribuindo para queda do Ibovespa

  • Dow Jones: -0,77% a 34.373 pontos
  • S&P500: -0,96% a 4.453 pontos
  • Nasdaq: -1,29% a 13.840 pontos

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 14:40

Petróleo opera em alta nesta quarta-feira

  • Petróleo WTI: +1,03% a US$87,61 o barril
  • Petróleo Brent: +0,81% a US$90,77 o barril

Alta da commodity impulsiona ganhos de empresas como a Petrobras (PETR4). Por outro lado, rally do petróleo acende o sinal de alerta para a inflação, dando munição à tese de manutenção dos juros altos por mais tempo tanto no Brasil quanto no exterior.

06.09.2023 14:31

Braskem (BRKM5) lidera ganhos do Ibovespa; companhia pode captar US$1 bi em bonds

A Braskem (BRKM5) lidera os ganhos percentuais do Ibovespa nesta tarde, avançando 4,07% a R$23,55. Mais cedo, a companhia anunciou nova emissão de bonds que pode alcançar até US$1.

A Fitch atribuiu rating BBB- para a emissão e afirmou que os recursos devem ser usados para pagamento de dívidas e propósitos gerais de negócios da petroquímica.

06.09.2023 14:23

Petrobras (PETR4) oscila e volta ao campo positivo

Após flertar com as quedas, tanto os papéis ordinários quanto os preferenciais da Petrobras agora operam no campo positivo.

-PETR4: +0,12% a R$33,41
-PETR3: +0,30% a R$36,93

06.09.2023 14:17

Vamos (VAMO3) lidera quedas no Ibovespa

A vamos (VAMO3) está à frente das altas no Ibovespa, tombando 5,89% a R$10,88. O recuo é impulsionado por um relatório do JP Morgan, que rebaixou a recomendação para as ações da companhia de compra para neutro.

Os analistas dizem ainda gostar das perspectivas de crescimento da empresa no longo prazo, mas não enxergam gatilho relevante para o curto prazo. Assim, preferem outras companhias do setor, como Localiza (RENT3) e Movida (MOVI3).

06.09.2023 14:05

PETR4 passa a cair 0,12%, PETR3 segue subindo 0,14%

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 13:43

Mau humor lá fora: bolsas da Europa fecham em baixa

As bolsas da Europa fecharam nesta quarta-feira, 6, em baixa, após as encomendas à indústria da Alemanha caírem muito além do esperado e derrubarem o apetite dos investidores europeus. A deterioração no sentimento de risco em Wall Street, após surpresa com dado de serviços nos Estados Unidos, também ecoou do outro lado do Atlântico.

Em Londres, o FTSE 100, caiu 0,16% a 7.426,14 pontos, enquanto o índice DAX, em Frankfurt, fechou em queda de 0,19%, a 15.741,37 pontos. O CAC 40, em Paris, cedeu 0,84%, a 7.194,09 pontos, e o FTSE MIB, em Milão, fechou em queda de 1,54%, a 28.211,46 pontos. Já em Madri, o índice Ibex 35 caiu 0,82%, a 9.315,40 pontos. Na Bolsa de Lisboa, o PSI 20 perdeu 1,08%, a 6.082,08 pontos. As cotações são preliminares.

As encomendas à indústria da Alemanha caíram 11,7% em julho ante junho, quando analistas ouvidos pela FactSet previam queda menor, de 3,5%, e ditaram o ritmo do mercado europeu, segundo a CMC Markets. “A economia alemã está claramente de joelhos”, afirma a corretora.

(Com Estadão Conteúdo)

06.09.2023 13:13

Hapvida (HAPV3) lidera altas no Ibovespa

A Hapvida (HAPV3) está à frente das altas no Ibovespa, subindo 2,27%. Os ganhos são impulsionados por um relatório do Goldman Sachs, que elevou recomendação da companhia para compra, com preço-alvo de R$ 6 – nesta quarta a cotação está em R$ 4,51.

Analistas do banco observaram que o 2T23 da Hapvida indica retomada de rentabilidade.

06.09.2023 13:01

Exterior negativo atrapalha Ibovespa

A queda das bolsas europeias e norte-americanas impede uma definição do Ibovespa nesta quarta-feira, 6, antes do feriado de quinta-feira no Brasil, quando a B3 ficará fechada. Com isso, o giro financeiro pode minguar.

Na terça, o Índice Bovespa fechou em baixa de 0,38%, aos 117.331,30 pontos. Às 11h29, subia 0,06%, aos 117.299,41 pontos, após subir 0,54%, na máxima aos 117.970,71 pontos. Em Nova York, o Nasdaq cedia 1,06%.

“Não tem muita coisa, novidade. Só que aqui o fiscal continua preocupando, tem a incerteza em relação ao JCP juros sobre capital próprio, agora a questão do rotativo dos cartões e é véspera de feriado. Ninguém quer tomar risco”, avalia Luiz Roberto Monteiro, operador da mesa institucional da Renascença.

As ações do setor financeiro estão no foco. Ontem à noite, a Câmara aprovou o o texto-base do projeto de lei com regras para o Desenrola Brasil. O programa de renegociação de dívidas lançado pelo governo federal inclui um limite para os juros no crédito rotativo e no parcelamento com juros de faturas de cartões de crédito.

(Com Estadão Conteúdo)

06.09.2023 12:42

Ibovespa cai 0,51% a 166.738 pontos: veja maiores altas e baixas

Altas:

Yduqs (YDUQ3): +2,52% a R$20,37
Hapvida (HAPV3): +2,72% a R$4,53
Braskem (BRKM5): +2,03% a R$23,09

Baixas:

Vamos (VAMO3): -4,76% a R$11
CVC (CVCB3): -4,12% a R$2,32
Carrefour (CRFB3): -3,30%  a R$10,27

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 12:31

Bancos operam no vermelho; Banco do Brasil (BBAS3) é exceção

  • Banco do Brasil (BBAS3): +0,08% a R$47,15
  • Santander (SANB11):-0,33%  a R$26,80
  • Bradesco (BBDC4): -1,30% a R$14,41
  • Itaú (ITUB4): -0,89% a R$26,74
06.09.2023 12:22

Índices nos Estados Unidos operam em baixa, dando tom negativo do Ibovespa

  • Dow Jones: -0,60%
  • S&P500: -0,84%
  • Nasdaq: -1,11%
06.09.2023 12:17

Ibovespa amplia queda para 0,52%, aos 116.717 pontos

06.09.2023 12:02

Vale (VALE3) em queda e Petrobras (PETR4) em alta: veja cotações

  • Vale (VALE3): -0,82% A R$68,54
  • Petrobras ON (PETR3): +1,09% a R$37,22
  • Petrobras PN (PETR4): +0,63% a R$33,58
06.09.2023 11:52

Ibovespa renova mínima, recuando 0,48% a 116.763 pontos

06.09.2023 11:40

Confira maiores altas e baixas do Ibovespa, com dados da Status Invest

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 11:30

Vale (VALE3) passa a cair e Ibovespa arrefece alta

Ações da Vale (VALE3) agora caem 0,22% a R$68,94 e ajudam na desaceleração da alta do Ibovespa. Índice agora avança 0,06% a 117.406 pontos.

06.09.2023 11:21

Dólar à vista recua 0,18%, a R$4,9592

06.09.2023 11:19

Petróleo opera em alta nesta manhã

  • Petróleo WTI: +0,42%, a US$87,06 o barril
  • Petróleo Brent: +0,20%, a US$90,22 o barril
06.09.2023 11:08

Após PMIs, treasury yields aceleram avanço e Ibovespa arrefece alta

Dado de atividade nos Estados Unidos mais forte do que o consenso previa faz com que investidores precifiquem a manutenção de um patamar alto de juros. Com isso, os rendimentos dos títulos do tesouro com vencimento em 10 anos por lá aceleram alta para 2,6 pontos-base, a 4,290%.

Além disso, o S&P500 renovou a mínima do dia, recuando 0,53%. O cenário reflete no ambiente doméstico, com o Ibovespa arrefecendo alta para 0,23%, a 117.598 pontos.

06.09.2023 11:02

PMI de serviços ISM nos Estados Unidos atinge 54,5 em agosto, ante consenso de 52,5

06.09.2023 10:57

Vale (VALE3), Usiminas (USIM5) e Gerdau (GGBR4) são destaques no setor de mineração

  • Vale (VALE3): +0,44% a R$69,41
  • Usiminas (USIM5): +0,57% a R$6,94
  • Gerdau (GGBR4): +0,50% a R$25,92
  • CSN (CSNA3): -0,08% a R$12,38
  • CSN Mineração: -0,46% a R$4,31
06.09.2023 10:54

Bancos operam mistos nesta manhã: veja destaques

  • Banco do Brasil (BBAS3): +0,57% a R$47,37
  • Itaú (ITUB4): -0,04% a R$26,98
  • Bradesco (BBDC4): -0,21% a R$14,55
06.09.2023 10:49

Petrobras opera no verde e impulsiona Ibovespa: (PETR3), +1,30% e (PETR4), +0,99%

06.09.2023 10:42

Dólar comercial opera em leve alta de 0,02%, a R$ 4,975

06.09.2023 10:38

Vale (VALE3) passa a operar em leve alta de 0,13%, a R$69,19

06.09.2023 10:35

Índices dos Estados Unidos abrem a sessão em baixa

  • Dow Jones: -0,37%, 34.512 pontos
  • S&P500: -0,26%, 4.486 pontos
  • Nasdaq: -0,31%, 13.977 pontos 
06.09.2023 10:32

Hapvida (HAPV3) lidera altas do Ibovespa subindo 4,08%; Vamos (VAMO3) tem a maior queda, com -3,81%

06.09.2023 10:27

Vale (VALE3) e Petrobras (PETR4) abrem a sessão de hoje no vermelho

  • Petrobras ON (PETR3): -0,05% a R$36,80
  • Petrobras PN (PETR4): -0,15% a R$33,32
  • Vale (VALE3): -0,06% a R$69,06
06.09.2023 10:24

Confira principais altas e baixas da abertura do Ibovespa

Altas:

– Yduqs (YDUQ3): +1,26% a R$20,12
– Aliansce Sonae (ALSO3): +0,92% a R$23,06
– Sabesp (SBSP3): +0,55% a R$58,59

Baixas:

– Pão de Açúcar (PCAR3): -3,03% a R$4,80
– Bradespar (BRAP4): -0,59% a R$23,51
– EzTec (EZTC3): -0,52% a R$21

 

06.09.2023 10:16

Ibovespa opera em alta de 0,19% aos 117.552,69 pontos; não há mais papéis em leilão

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png

06.09.2023 10:08

Susan Collins, do Fed, diz que próximos passos ainda podem ser de aperto monetário

De acordo com o presidente do Federal Reserve de Boston, é preciso ter paciência para determinar os próximos passos do banco central americano. Para Collins, os dados econômicos recentes ainda precisam ser avaliados, uma vez que seria necessário ter mais equilíbrio no mercado de trabalho. Ele ainda acrescentou que os próximos passos do Fed podem ir na direção do aperto monetário.

06.09.2023 10:03

Ibovespa abre em alta de 0,03% aos 117.371 pontos; ainda há papéis em leilão

06.09.2023 09:48

Vale (VALE3) faz acordo com startup sueca, H2 Green Steel, para desenvolvimento de hubs industriais

A Vale (VALE3) e a produtora de aço verde H2 Green Steel assinaram um acordo para estudarem em conjunto o desenvolvimento de hubs industriais no Brasil e na América do Norte. Nesses complexos industriais, a H2 Green Steel pretende fabricar produtos da cadeia siderúrgica de baixo carbono, como hidrogênio verde e ”hot briquetted iron” (HBI), tendo como insumos briquetes de minério de ferro produzidos pela Vale e eletricidade de fontes renováveis para suprir a produção de hidrogênio verde.

06.09.2023 09:33

Dólar futuro retoma os R$ 5, com instabilidade no cenário internacional

A agenda carregada desta quarta-feira nos Estados Unidos já teve reflexos por aqui.

O dólar futuro já chegou a subir 0,48%, cotado a R$ 5,008)

A curva de juros abriu esta quarta-feira em baixa:

  • jan/27 a 10,490%
  •  jan/29 a 10,980%
  •  jan/31 a 11,260%.
06.09.2023 09:16

IBGE prevê safra recorde de 313,3 milhões de toneladas para 2023

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou há pouco que a estimativa de agosto para a produção de cereais, leguminosas e oleaginosas de 2023 é de 313,3 milhões de toneladas, 19,0% maior (ou mais 50,1 milhões de toneladas) que a de 2022 (263,2 milhões de toneladas) e 1,4% acima da estimativa de julho. A área a ser colhida é de 77,5 milhões de hectares, com alta de 5,8% no ano e de 0,6% frente a julho.

Fiagros, ativos do agronegócio. Foto: Unsplash
Agronegócio. Foto: Unsplash

06.09.2023 09:08

Ibovespa futuro abre em queda de 0,16%, aos 118.815 pontos

Já o dólar futuro abriu a sessão desta quarta-feira (6)  em alta de 0,26%, cotado a R$ 4,997.

06.09.2023 09:00

Pré-mercado de Nova York opera em baixa nesta quarta-feira à espera de divulgação de indicadores

O pré-mercado de Nova York opera em baixa hoje (6). Os investidores aguardam os resultados da balança comercial de agosto, os PMIs de serviços (S&P Global e ISM) e o livro bege do Fed, que será divuulgado às 15h, horário de Brasília.

ADR de Petrobras avançavam 0,07% (US$ 14,81), após subir 2,14% nessa terça-feira (5).

Veja como operavam os indicadores, por volta das 8h50:

  • Dow Jones futuro: -0,22%
  • -S&P 500: -0,24%
  • -Nasdaq: -0,28%
06.09.2023 08:46

IGP-DI tem ligeiro avanço de 0,05% em agosto, divulga FGV

O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) variou 0,05% em agosto, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quarta-feira (6). No mês anterior, a taxa havia sido de -0,40%. Com este resultado, o índice acumula variação de -5,30% no ano e de -6,91% em 12 meses. Em agosto de 2022, o índice havia caído 0,55% e acumulava elevação de 8,67% em 12 meses.

“Combustíveis e alimentos influenciaram os resultados do IPA e do IPC. O reajuste dos preços do Diesel (de 0,00% para 13,29%) e da gasolina (de -7,46% para 8,36%) permitiram que a variação do índice ao produtor registrasse aceleração passando de -0,61% para 0,10%. No âmbito do consumidor, a queda mais acentuada do grupo alimentação (de -0,36% para -0,84%) fez com que o índice voltasse a registrar deflação”, afirma André Braz, Coordenador dos Índices de Preços.

06.09.2023 08:38

Cotações do Petróleo operam em baixa moderada

As cotações do petróleo operam em queda nesta quarta-feira (6), apesar de ainda estarem próximo da máxima em seis meses. Confira:

  • Brent/novembro:-0,58%, a US$ 89,52
  • WTI/outubro: -0,44%, a US$ 86,30
06.09.2023 08:32

BrasilAgro (AGRO3) divulga lucro líquido quase oito vezes maior no quarto trimestre de 2022/2023

O BrasilAgro (AGRO3) informou nesta terça-feira (6) que registrou lucro líquido de R$ 242,7 milhões no quarto trimestre da safra 2022/2023, contra 31.112 registrados um ano antes.

No ano agrícola encerrado em julho de 2023, entretanto, a queda no lucro foi de 48%, R$ 268,5 milhões.

A teleconferência sobre os resultados acontece hoje (6) às 10hs.

06.09.2023 08:20

Mercado asiático fecham em direções opostas; Confira

As preocupações com o crescimento global e risco inflacionário mundial levaram as principais bolsas asiáticas fecharem as sessões desta quarta-feira (6) de forma mista. Confira os resultados:

  • Nikkei (Tóquio): +0,62%
  • Hang Seng (Hong Kong): -0,04%
  • Taiex (Taiwan): -0,32%
  • Kospi (Coreia): -0,73%
  • Xangai (China): +0,12%
  • Shenzhen (China): +0,08%

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/02/1420x240-Banner-Home-1.png