Geraldo Alckmin assume MDIC e promete retomar política de ‘reindustrialização’

O vice-presidente da República, Geraldo Alckmin (PSB), tomou posse hoje (4) como ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC). Em seu primeiro pronunciamento à frente da pasta, o político prometeu retomar a política de ‘reindustrialização’ e destacou a economia verde como condição para o crescimento sustentável do País.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240-Banner-Home-1.png

Durante a cerimônia, que aconteceu no Palácio do Planalto e teve a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), além de outros ministros do novo governo, Alckmin destacou que é fundamental a retomada do protagonismo do setor industrial para o crescimento econômico.

A indústria brasileira precisa urgentemente retomar seu protagonismo, expandindo sua participação no PIB.

Ainda segundo o ministro, o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) será o principal meio pelo qual o novo governo deverá retomar a industrialização e as políticas de desenvolvimento social. O banco deverá atuar também como um ‘vetor’ da economia verde, afirmou Alckmin.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/04/1420x240_TEXTO_CTA_A_V10.jpg

“A indústria é essencial. [Com] os empregos que gera, os tributos que recolhe e a riqueza que distribui. Para cada real produzido pelo setor industrial, a economia ganha algo em torno de R$ 2,43. O impacto positivo é percebido por todos os setores da economia”, disse.

Criação da Secretaria da Economia Verde

Outro destaque da posse de Alckmin no MDIC foi o anúncio da criação da Secretaria da Economia Verde, Descarbonização e Bioindústria. De acordo com o ministro-presidente, o objetivo é dar apoio à retomada de uma agenda de competitividade do produto nacional e o trabalho será feito em parceria com o o Ministério do Meio Ambiente, comandado por Marina Silva.

“A política precisa estar em sintonia com necessidade da economia mundial. A sociobiodiversidade será ponto de partida da nova política industrial, algumas frentes nessa natureza incluem complexo industrial da saúde, energias renováveis, hidrogênio verde e mobilidade”, afirmou.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Geraldo Alckmin no MDIC

A nomeação de Alckmin no Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC) aconteceu após o governo eleito ter dificuldades para encontrar um nome forte para assumir a pasta.

Em dezembro, Josué Gomes recusou o convite feito por Lula em função de questões de compliance em suas empresas — embora, juntamente a isso, também estivesse com sua posição na presidência da Fiesp ameaçada.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/Ebook-Acoes-Desktop-1.jpg

Com a negativa, o ex-governador de São Paulo e vice-presidente passou a ser o principal nome para assumir o MDIC. Vale dizer que esse será um dos ministérios mais fortes do terceiro governo Lula.

Sob o comando de Geraldo Alckmin, a pasta coordenará as ações do BNDES e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex). O vice-presidente pode acumular ainda no ministério as atribuições de planejar e elaborar metas de longo e médio prazo.

Com informações do Estadão Conteúdo

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Controle-de-Investimentos.png

Janize Colaço

Compartilhe sua opinião