Imóveis

Fundos Imobiliários: Confira os FIIs preferidos dos analistas para julho de 2022

Últimas atualizações
  atualização
04.07.2022 16:39

Genial Investimentos mantém posição em FIIs dos segmentos logísticos e recebíveis

A Genial Investimentos manteve inalterada em julho a sua carteira recomendada de fundos imobiliários– Genial Carteira Renda.

“O mês de junho foi marcado pelo aumento do risco fiscal no Brasil, a adoção de políticas expansionistas tem aumentado a percepção de risco dos investidores, o que, por sua vez, leva à abertura da curva de juros e pressiona a cotação dos ativos de risco,” diz o relatório.

Veja como ficou a lista de fundos imobiliários recomendados pela Genial Investimentos:

 

TickerSegmentoPosição (%)R$/ cotaDY 12M (%)
HGRE11Lajes Comerciais15%R$ 129,100,60%
PVBI11Lajes Comerciais15%R$ 91,240,61%
BRCO11Logísticos15%R$ 98,170,78%
HGCR11Recebíveis20%R$ 104,241,15%
MCCI11Recebíveis20%R$ 97,801,12%
GALG11Logísticos15%R$ 91,040,88%

 

Última performance das carteiras de fundos imobiliários da Genial Investimentos: 

A Carteira Renda da Genial Investimentos atingiu uma performance de -0,75 com 0,9% de dividendos em comparação a -0,88% do Ifix. O maior promotor foi o MCCI11 com alta de 1,1% somando a valorização da cota e o dividendo, já o detrator da carteira este mês foi o PVBI11 com -3,8%.

04.07.2022 16:01

Fundo imobiliário HGCR11 recebe destaque na carteira recomendada do BTG Pactual

O BTG Pactual fez duas alterações na sua carteira recomendada de fundos imobiliários para o mês de abril.

A primeira foi uma redução de posição de RBRR11 de 12,5% para 7,5%.

E em contrapartida, houve inclusão do FII CSHG Recebíveis Imobiliários (HGCR11) na carteira recomendada com peso de 5%.

No relatório, o banco defende a inclusão de HGCR11 na carteira deste mês pelos excelentes resultados obtidos por ele, inclusive no período de pandemia, com performance positiva de 22,2%.

Criado em dezembro de 2009, o fundo da Credit Suisse Hedging-Griffo é um dos primeiros fundos imobiliários do segmento de recebíveis.

Segundo explicam os analistas no relatório do BTG, a recomendação levou em consideração três pontos fundamentais — a relevância da exposição da carteira do fundo ao CDI em um cenário de elevação nas taxas de juros; a estratégia de exposição a ativos de perfil misto (high grade e mid grade) para obter melhores resultados com risco moderado; e o momento propício para o mercado de crédito, “já que o fundo encerrou uma emissão recentemente e possui recursos em caixa”.

Veja como ficou a lista de fundos imobiliários recomendados para julho:

 

TickerSegmentoPosição (%)R$/ cotaDY 12M (%)
BTCR11Recebíveis12,50%R$ 95,815,70%
RBRR11Recebíveis7,50%R$ 100,814,30%
KNCR11Recebíveis17,50%R$ 102,012,40%
FEXC11Recebíveis2,50%R$ 86,814,80%
CPTS11Recebíveis8,00%R$ 90,813,20%
HGCR11Recebíveis5,00%R$ 105,513,70%
VILG11Recebíveis7,50%R$ 95,58,40%
HSLG11Galpões Logísticos7,50%R$ 84,09,00%
BRCO11Galpões Logísticos2,50%R$ 98,59,40%
RBRP11Híbrido5,00%R$ 57,39,40%
BRCR11Escritórios6,00%R$ 61,99,10%
RCRB11Escritórios6,00%R$ 126,26,50%
HGRE11Escritórios5,00%R$ 129,76,90%
VISC11Shoppings5,00%R$ 101,08,30%
BTRA11Agronegócio2,50%R$ 84,010,00%
04.07.2022 15:06

Guide foca em recebíveis e adiciona CVBI11 na sua carteira recomendada de FIIs

A Guide Investimentos espera uma continuidade da recuperação do IFIX no mês de julho frente a várias semanas de desvalorização excessiva das cotas e altas expectativas pelo fim do ciclo de alta da Selic, contudo, sinaliza que mantém uma postura mais cautelosa “frente ao cenário desafiador e incerto do cenário político-econômico do País”.

No mais recente relatório, os analistas da Guide afirmam que o setor ainda apresenta oportunidades e aconselham que os ativos que forem compor as carteiras dos investidores passem por uma avaliação mais exigente.

“Reforçamos nossa preferência por setores mais defensivos, com boa capacidade de absorção da inflação e modelos operacionais resilientes e destacamos a performance da carteira recomendada que, através de ativos com perfil defensivo, tem conseguido apresentar excelente resultado nos meses de maior volatilidade do índice”, diz o relatório.

A carteira recomendada de fundos imobiliários da Guide tem 10 ativos, com bastante diversificação entre os segmentos imobiliários e equilíbrio entre renda e ganho de capital. Além disso, possui uma média ponderada de 11,9% de dividend yield  e 0,96x de VM/VP  respectivamente.

A gestora fez apenas uma mudança significativa na sua carteira recomendada para o mês de julho, adicionando VBI CRI (CVBI11) na composição do portfólio.

“Com isso, reforçamos nossa tese de alocação em fundos de recebíveis com perfil high/middle grade, trazendo menor volatilidade para a carteira e mantendo o dividend yield em patamares elevados,” afirmam os analistas da Guide Investimentos.

Veja como ficou a lista de fundos imobiliários recomendados pela Guide para julho:

 

TickerSegmentoPosição (%)R$/ cotaDY 12M (%)
BRCO11Logístico10,00%R$ 98,57,30%
BTLG11Logístico5,00%R$ 100,08,60%
CPTS11Recebíveis15,00%R$ 90,813,90%
XPML11Shoppings10,00%R$ 94,77,80%
CVBI11Recebíveis10,00%R$ 99,513,90%
RBRR11FOF10,00%R$ 100,812,00%
RBRY11Recebíveis10,00%R$ 100,912,90%
TRXF11Renda Urbana5,00%R$ 98,410,10%
VISC11Shoppings10,00%R$ 101,07,50%
HGCR11Recebíveis15,00%R$ 105,511,70%

Última performance das carteiras de fundos imobiliários da Guide Investimentos: 

A Carteira Recomendada da Guide teve performance abaixo do IFIX com -0,9%, porém, permanecendo em patamares acima do índice no ano (+0,6% vs. 0,2%).

04.07.2022 10:01

Fundos Imobiliários: Carteiras de FIIs do BB Investimentos sofrem desvalorização em junho; veja a composição para este mês

As carteiras de Fundos Imobiliários (FIIs) recomendadas do BB Investimentos fecharam em queda no mês de junho, com desvalorização atrelada ao IFIX. A Carteira FII Renda do banco superou o IFIX com uma desvalorização de 0,35% no mês, enquanto a Carteira FII Ganho de Capital, por sua vez, teve um desempenho inferior ao índice de referência, com perda de 1,98%.

Segundo um relatório recente do BB Investimentos, o mercado de fundos imobiliários seguiu o sentimento negativo do mercado ao longo do mês de junho, apesar da sinalização do Banco Central do possível fim do ciclo de alta da taxa básica de juros.

O relatório indica que o desempenho dos ativos do setor teve uma queda geral, atrelada à desvalorização do principal índice da bolsa que mede o setor — o IFIX. Este índice acabou recuando 0,88% em junho, voltando aos 2.795 pontos. A queda acumulada do IFIX em 2022 passou a ser de -0,33%.

Outro fator que o banco acredita ter influenciado no desempenho dos FIIs do mês anterior é a preocupação do mercado com uma possível recessão nos EUA, que adquiriu novos tons nas últimas semanas com um maior aperto monetário decorrente das dificuldades do Federal Reserve (o banco central dos EUA) para controlar a inflação do país.

No relatório, os analistas explicam que, no Brasil, “mesmo com a alta dos juros, os últimos indicadores seguem apontando para uma inflação bem superior a meta perseguida pelo Bacen, refletindo, em certa medida, o avanço dos preços das commodities ocasionado pelo conflito entre Rússia e Ucrânia”.

Com a nova aceleração de 0,69% do IPCA15, do mês de junho, a prévia da inflação oficial passou a acumular uma alta de 12,04% no mês.

O banco não realizou mudanças na composição das suas duas carteiras para o mês de julho.

Veja como ficou a lista de fundos imobiliários da Carteira FII Renda para julho:

 

TickerSegmentoPosição (%)R$/ cotaDY 12M (%)
RZTR11Híbrido12,50%R$ 101,2013,10%
MGFF11FOF12,50%R$ 58,8011,20%
XPSF11FOF12,50%R$ 7,1011,70%
BTLG11Logística12,50%R$ 100,008,60%
BCRI11Recebíveis12,50%R$ 109,6313,50%
HGCR11Recebíveis12,50%R$ 105,4811,70%
KNIP11Recebíveis12,50%R$ 101,1916,00%
RECR11Recebíveis12,50%R$ 100,0015,00%

Veja os ativos que compõem a Carteira FII Ganho de Capital para junho:

 

TickerSegmentoPosição (%)R$/ cotaDY 12M (%)
AIEC11Escritórios8,00%R$ 76,4910,80%
JSRE11Escritórios12,00%R$ 75,838,20%
SARE11Escritórios8,00%R$ 67,4111,00%
RBRF11FOF12,00%R$ 67,9110,60%
KNRI11Híbrido12,00%R$ 131,487,20%
BRCO11Logística12,00%R$ 98,547,30%
PATL11Logística12,00%R$ 77,208,90%
RBRL11Logística12,00%R$ 84,949,90%
HSML11Shoppings12,00%R$ 77,998,30%

Última performance das carteiras de fundos imobiliários do BB Investimentos: 

Em junho, a Carteira FII Renda do BB investimentos apresentou um dividend yield ponderado de quase 14%, contra 12,8% da carteira teórica do IFIX. A Carteira FII Ganho de Capital, por outro lado, foi criada em dezembro de 2021, e desde então acumula um retorno de cerca de 14,4% — bastante superior à alta de 8,4% registrada pelo índice de referência no mesmo período.

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO