Cyrela (CYRE3): analistas recomendam compra, com alavancagem menor

Ao iniciar a cobertura de novos nomes do setor imobiliário, analistas da Genial Investimentos destacaram a Cyrela (CYRE3) como um dos dois nomes que a casa projeta um 2023 com melhor desempenho.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/07/1420x240-Banner-Home.png

A recomendação é de compra para as ações da Cyrela, com preço-alvo de R$ 19 – ao passo que os papéis CYRE3 negociam a cerca de R$ 13,75.

O outro nome que tem predileção da casa é a Moura Dubeux (MDNE3), cuja recomendação também é de compra e o preço-alvo é de R$ 9.

A tese dos analistas é de que, no cenário atual para o setor, as alocações devem ser feitas em empresas menos alavancadas e com curvas de geração de caixa mais curtas.

“A ação negocia a 6,2x preço sobre lucro estimado para 2023 e a um preço por sobre valor patrimonial de 0,8x, que consideramos muito descontados para a companhia”, ressaltam os especialistas Guilherme Vianna e Luis Assis.

Isso destacando que a companhia:

  • É uma das incorporadoras com mais poder de adaptação do mercado
  • Deve seguir com endividamento muito confortável, próximo a zero
  • Vem demonstrando resiliência tanto em margens quanto em velocidade de vendas, apesar do cenário desfavorável e do maior volume de lançamentos.

“Mesmo não sendo a ação com os múltiplos mais descontados do setor, acreditamos que a ação apresente uma boa relação de risco-retorno devido à sua segurança (provavelmente a aposta mais segura entre as construtoras de alta renda) e retorno atrativo”, diz a Genial.

Cyrela é player flexível e se adaptará ao cenário, diz Genial

Sobre o histórico da companhia, a Genial destaca que a Cyrela tem flexibilidade e uma longa trajetória na indústria, mostrando uma adaptabilidade no cenário e podendo atuar tanto atendendo públicos de baixa renda quanto os que exigem produtos luxuosos.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/03/1420x240-Planilha-controle-de-gastos.png

“Esta capacidade de atuar em vários segmentos e cidades permite à Cyrela evitar ou diminuir os impactos dos ciclos econômicos. O segmento de baixa renda, por exemplo, que atua por meio do Programa Minha Casa Minha Vida, costuma ser muito menos afetado por um período de alta da taxa de juros, oferecendo uma proteção anticíclica para quem atua no segmento”, apontam os analistas.

“Hoje, a Cyrela está com uma participação relativamente grande no segmento econômico, o que deve oferecer alguma proteção para desaceleração de vendas no ano que vem. As unidades econômicas representam 23% do VGV total em construção da Cyrela, enquanto o seu landbank de produtos econômicos representa apenas 4% do landbank total”, seguem.

Veja mais recomendações do segmento imobiliário

O relatório do segmento imobiliário da Genial destaca que os últimos três anos foram propícios para o crescimento do setor imobiliário, mas a “pujança parece ter chegado ao fim”.

Desta forma, os analistas da casa mantém cautela com os demais players do setor que tiveram cobertura recém iniciada. Veja abaixo:

  • Cyrela (CYRE3): Recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 19
  • Moura Dubeux (MDNE3): Recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 9
  • EzTec (EZTC3): Recomendação neutra, com preço-alvo de R$ 18
  • Mitre Reality (MTRE3): Recomendação neutra, com preço-alvo de R$ 3,65
  • Trisul (TRIS3): Recomendação neutra, com preço-alvo de R$ 5
  • Helbor (HBOR3): Recomendação neutra, com preço-alvo de R$ 3

Desempenho de CYRE3

Conforme dados do Status Invest, as ações da Cyrela sobem 2,4% no acumulado dos últimos 12 meses, com R$ 0,56 em dividendos pagos por ação no período, representando um dividend yield (DY) de 4,1%.

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2023/04/1420x240-Planilha-vida-financeira-true.png

Eduardo Vargas

Compartilhe sua opinião

Receba atualizações diárias sobre o mercado diretamente no seu celular

WhatsApp Suno