DIVIDENDOS

Copa Suno: Copel (CPLE6) ou Petrobras (PETR4)? Confira quem ganha

Copa Suno: Copel (CPLE6) ou Petrobras (PETR4)? Confira quem ganha
Copa Suno. Foto: Pixabay

Na fase de quartas de final, enfrentaram-se na Copa Suno de Ações a Copel (CPLE6) e a Petrobras (PETR4), com direito a goleada de 7 a 0 para a companhia de energia. Mas engana-se quem pensa que o jogo foi fácil. Os lances dos indicadores ficaram próximos, e a partida foi considerada acirrada pelos juízes.

Entenda as métricas avaliadas na Copa Suno de Ações e o comparativo entre as empresas:

  • Preço/Lucro (quanto menor, melhor)
  • Dividend Yield (quanto maior, melhor)
  • Return on Equity (ROE) (quanto maior, melhor)
  • Return on Assets (ROA) (quanto maior, melhor)
  • Preço sobre Valor Patrimonial (P/VP) (quanto menor, melhor)
  • Taxa de crescimento anual composta (CAGR) de lucro em 5 anos (quanto maior, melhor)
  • Margem Líquida (quanto maior, melhor)

A Copel venceu a rival Petrobras em todos os indicadores, com destaque para o CAGR de lucro, que não pôde ser comparado devido ao prejuízo que a estatal apresentou em 2016.

“Essa questão (do CAGR da Petrobras) foi discutida na primeira fase. A companhia teve prejuízo lá em 2016, então não dá para comparar um número negativo com um número positivo. Por esse motivo, nesse indicador, é gol da Copel”, disse o juiz da partida e fundador da SUNO Reasearch, Tiago Reis.

Veja os destaques da partida:

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

IndicadorCOPEL (CPLE6)Petrobras (PETR4)
P/L4,00%5,97%
DY15,67%3%
ROE21%18,12%
ROA8,85%5,70%
P/VP0,88%1,8%
CAGR – Lucros 5 Anos25,31%
Margem Líquida21,46%20,09%

“Eu particularmente não esperava, nessa altura do campeonato, que a Petrobras fosse perder de 7 a 0. Não fez nem um gol de honra”, comentou Reis.

Copa Suno compara 16 empresas

A Copa Suno de Ações teve início na semana passada e reúne as 16 ações mais buscadas no site do Status Invest em abril deste ano.

A Taesa atraiu mais interesse dos investidores e liderou a lista no mês. A Vivo registrou dificuldades na temporada e quase não passou pela porta. Foi a última.

Confira quais são elas:

    1. Taesa (TAEE11)
    2. Itaúsa (ITSA4)
    3. BB Seguridade (BBSE3)
    4. Banco do Brasil (BBAS3)
    5. Energias do Brasil (ENBR3)
    6. ISA CTEEP (TRPL4)
    7. Sanepar (SAPR4)
    8. Petrobras (PETR4)
    9. Weg (WEGE3)
    10. Copel (CPLE3)
    11. Bradesco (BBDC4)
    12. Engie (EGIE3)
    13. Copasa (CSMG3)
    14. Magazine Luiza (MGLU3)
    15. AES Brasil (AESB3)
    16. Telefônica (VIVT4)

Depois das vitória de Copel, os próximos jogos da Copa Suno será entre Taesa e AES Brasil e a disputa entre BB Seguros e Copasa.

Poliana Santos

Compartilhe sua opinião

Receba os destaques que irão movimentar o cenário econômico antes da abertura do mercado.

Inscreva-se