Mateus Carvalho

Nos investimentos, esforço é resultado?

Em muitas atividades o esforço é necessário para obter êxito e quanto mais esforço mais progresso será adquirido. Nos investimentos, será também esta regra?

Em muitas atividades o esforço é necessário para obter êxito e quanto mais esforço mais progresso será adquirido. Nos investimentos, será também esta regra?

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/Lead-Magnet-Dkp-1.png

Primeira observação importante: precisamos entender que há diversos jogadores e jogos dentro do mesmo ambiente. Uma analogia para refletir é pensar em uma quadra poliesportiva com diversos jogos ocorrendo simultaneamente, vôlei, futebol e basquete, por exemplo. Cada um terá sua regra e sua velocidade. Se o jogador de futebol se concentrar no jogador de basquete e pegar a bola na área com a mão, certamente não será uma boa decisão.

Ao montar um portfólio de investimentos, você deverá focar em seu objetivo, seu perfil e seu horizonte de tempo, pois o que fará a diferença se permanecer no jogo o tempo suficiente para usufruir dos juros compostos. Posso citar uma frase neste contexto escrita por Morgan Housel, autor do livro “A psicologia financeira”: “Mais do que grandes retornos, o que quero é ser à prova de falências. E, se eu for à prova de falências, de fato acredito que vou ter os maiores retornos, porque serei capaz de permanecer no jogo por tempo suficiente para que a composição faça maravilhas.”

O primeiro fracasso será montar uma estratégia e no primeiro relapso olhar para o lado, encontrar uma “dica” ou um influenciador falando sobre determinado ativo e se vangloriando de seu resultado de curto prazo e você tomar uma decisão com base nestes dados, ignorando a estratégia, ignorando seu perfil, ignorando seu plano e querendo apenas não ficar de fora da “oportunidade quente”.

Aprenda, ninguém mostrará seus fracassos e se mostrar será para tentar mostrar que também erra, porém, no final, tentará vender um sucesso. É essa venda que importa, não o seu resultado. Ignore as tentações!

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/1420x240.jpg

Se você quer enriquecer da noite para o dia nos investimentos, esqueça, todo investidor de sucesso (ou a maioria deles) segue uma fórmula, trabalho, geração de renda, poupança, boas decisões de investimentos, recorrência por anos desta sequência.

Voltando ao título do artigo, nos investimentos esforço é resultado? Sendo direto ao ponto a resposta é não, podemos obter diversos estudos sobre os resultados negativos de quem faz muitas movimentações, mas irei citar o fundo relevante do gestor Peter Lynch, que apresentou de 1977 até 1990 um retorno médio acima de 29% ao ano e mesmo assim o investidor médio perdeu dinheiro.

Na matéria relatada pelo Infomoney sobre Investidores que perderam com fundo vencedor de Peter Lynch o motivo era simples, “Quando a performance estava boa, eles investiam mais, pagando mais para adquirir menos cotas e, quando a performance estava indo mal, eles resgatavam o investimento, concretizando perdas.”

O comportamento humano nos investimentos pode ser o maior aliado ou o pior inimigo. Você deve escolher em qual lado se posicionar, para ajudá-lo deixo alguns insights que resumi ao longo de uma década atendendo investidores:

Pilares do sucesso:

  • Ter uma estratégia clara e adequada ao seu perfil.
  • Seguir com confiança a estratégia, durante pelo menos um ano e depois avaliar os resultados.
    Obs.: Os resultados sempre são relativos. Exemplo, se você possui uma carteira majoritária de ações, seu benchmark teve resultado de -10% e sua carteira ficou no zero a zero, sua estratégia é vencedora.
  • Escolher bons ativos, para todas as classes do portfólio.
  • Monitorar os resultados dos ativos e vende-los, independente do seu preço médio, se perder os fundamentos do motivo do investimento.
  • Aportar regularmente.
  • Repetir este processo até sua independência financeira.

Boa jornada!

https://files.sunoresearch.com.br/n/uploads/2024/05/1420x240-2.png

Nota

Os textos e opiniões publicados na área de colunistas são de responsabilidade do autor e não representam, necessariamente, a visão do Suno Notícias ou do Grupo Suno.

Mateus Carvalho
Mais dos Colunistas
Andressa Bergamo Previdência privada x investimento independente: qual a melhor decisão estratégica?

O Brasil está passando por um processo de envelhecimento populacional, com a expectativa de vida aumentando significativamente ao longo dos anos. Segundo dados do IBGE...

Andressa Bergamo
Rodrigo Vieira A receita do investidor de sucesso

Após 17 anos investindo, eu aprendi com os meus erros, o que os grandes investidores já diziam há décadas em seus livros e/ou biografias sobre as principais caracterís...

Rodrigo Vieira

Compartilhe sua opinião