AGENDA

BTG Pactual (BPAC11) diz que comprar escritórios de agentes autônomos é algo “corriqueiro”

BTG Pactual (BPAC11) diz que comprar escritórios de agentes autônomos é algo “corriqueiro”
BTG Pactual (BPAC11) Foto Reprodução Linkedin

Depois de abocanhar mais um escritório de agentes autônomos vinculado à XP Investimentos, o BTG Pactual (BPAC11) afirmou que a compra deste tipo de ativo é visto como um “negócio corriqueiro” pelo banco. A declaração foi dada à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), depois que o órgão questionou o BTG sobre a movimentação envolvendo o escritório de assessoria de investimentos Acqua Vero, noticiada nesta semana.

   

Segundo o banco, a Acqua Vero aceitou uma proposta para passar a ser contratada como um agente autônomo.

“O Banco esclarece também que transações envolvendo agentes autônomos de investimentos representam negócios corriqueiros pelo BTG Pactual e, portanto, usualmente não são passíveis de divulgação por meio deste”, afirmam no documento divulgado na noite desta quarta-feira (19).

O Acqua Vero, maior escritório de investimentos de São Paulo, era, antes de se juntar ao BTG Pactual, associado à XP Investimentos em um vínculo que se estendeu por mais de dez anos. O escritório possui mais de 20 mil clientes atendidos e R$ 8,5 bilhões em sua carteira.

Suno One: acesse gratuitamente eBooks, Minicursos, Artigos e Vídeo Aulas sobre investimentos com um único cadastro. Clique para saber mais!

Segundo comentários, a Acqua-Vero tem como objetivo chegar ao final de 2021 com R$ 12 bilhões em carteira e 350 profissionais. Mais no futuro, a intenção é se tornar uma corretora de valores e abrir capital na B3 (B3SA3).

Acqua Vero é mais um avanço do BTG Pactual sobre a XP

Além de em São Paulo, o escritório tem filiais em outras capitais, como Rio de Janeiro,  Belo Horizontes, em Salvador e em Fortaleza. Além disso, tem forte presença também em cidades maiores do interior de São Paulo, como Campinas e São José dos Campos.

O prazo de sessenta dias de aviso prévio para o encerramento da distribuição pelo Acqua Vero dos produtos XP começou na segunda feira desta semana.

A parceria do BTG Pactual com a Acqua Vero marca mais um avanço do banco de André Esteves sobre a XP Investimentos. No ano passado, o banco conseguiu, por exemplo, firmar parceria com a Eu Quero Investir (EQI), antes parceira da corretora de Guilherme Benchimol. Outros nomes como EWZ Capital e Prosperidade também trocaram a XP pelo BTG.

Vitor Azevedo

Compartilhe sua opinião

Manual 10 passos essenciais para se tornar um investidor de sucesso. Baixe Grátis!

Baixar agora!