Com escassez de analistas, Bossanova abre curso de Venture Capital; veja vagas

Com escassez de analistas, Bossanova abre curso de Venture Capital; veja vagas
Bossanova, Venture Capital de João Kepler, vê poucos analistas capacitados no mercado voltado para startups - Foto: Divulgação

De olho em um mercado de Venture Capital (VC) com muita demanda por analistas e poucos profissionais capacitados, a Bossanova Investimentos – VC chefiado por João Kepler – abre as portas para o segmento de educação.

As oportunidades podem, inclusive, abrir as portas para vagas na própria Bossanova ou em fundos de Venture Capital parceiros.

“A gente começou desenhando o Bossa Academy em cima das demandas do mercado. Vemos que venture capital cresce no Brasil a cada ano e principalmente em early stages [fases iniciais]. Os analistas e assessores acabam se formando para trabalhar no mercado mais tradicional, e têm uma demanda grande de capacitados”, afirma Rafael Ribeiro, fundador das startups Weblinia e Monster Joy e Diretor de Novos Negócios na Bossanova.

Em entrevista ao Suno Notícias, Ribeiro relata que “precisa educar o mercado”, e que o escopo de analistas deve crescer em breve.

“Queremos advogados, contadores e outros profissionais, mas teremos um viés de startups e venture capital; focado em inovação, no futuro e no processo evolutivo desse mercado”, afirma.

A inciativa conta com parceria da Ser Educacional (SEER3), comandada por Janguiê Diniz. A bagagem em educação por parte do CEO deve ser um dos focos para o projeto ganhar escala e, no futuro, se tornar uma faculdade própria, conforme relata João Kepler, CEO da Bossanova.

Foram quase 500 inscritos na primeira rodada, que deve contar com somente 50 vagas – a projeção inicial teria somente 30, porém, com o aumento de candidaturas o VC resolveu ampliar.

Curso da Bossanova será presencial e com aulas de Kepler

A primeira turma terá aulas nos dias 23, 24 e 30 de julho, de forma presencial, em São Paulo (SP). O público-alvo são os que querem entrar no mercado e agentes autônomos (AAIs) que já trabalham com investimentos.

Estudantes que se destacarem serão recomendados para VCs parceiros, sendo que 15 vagas de trabalho em Venture Capital já estão abertas por 10 empresas parceiras.

Além disso, eventuais vagas na Bossanova poderão ser ocupadas.

Os dias 23 e 24 serão de conteúdos expositivos, com foco em:

  • Conceitos Iniciais
  • Como Encontrar os Melhores Deals
  • Como Analisar uma Startup na Prática
  • Gestão de Portfólio e Aspectos Jurídicos

No dia 30, os estudantes irão ao escritório da Bossanova, no Itaim Bibi (SP), em uma imersão para aplicar o conteúdo em um case prático, tomando decisões de investimento.

Os professores no curso serão João Kepler (CEO da empresa e melhor Investidor-Anjo do Brasil por quatro vezes), além de Rafael Ribeiro e Antônio Patrus (advisor no BMG UpTech e Diretor Administrativo Financeiro da Bossanova).

A segunda turma do curso de analistas de investimento em venture capital será lançada na próxima semana, com cursos para formação e especialização nas áreas jurídica, de contabilidade e de vendas voltadas para startups.

Eduardo Vargas

Compartilhe sua opinião

Receba as notícias em seu e-mail

EU QUERO